TSF

  • Menu
  • Em Directo
I Liga

Benfica empata na Vila das Aves e termina no sexto lugar

O Benfica foi empatar, 4-4, no terreno do despromovido Desportivo das Aves, num jogo com muitos erros defensivos de parte a parte. Com este resultado, os «encarnados» ficaram no sexto lugar, a pior classificação de sempre do clube.

PUB

O Benfica despediu-se da I Liga 2000/2001 com um empate na deslocação à Vila das Aves (4-4), num jogo com muitas oportunidades de golo fruto de erros defensivos de parte a parte.

Com este resultado, o Benfica quedou-se pela sexta posição, com 54 pontos, a pior da história do clube, ao ser ultrapassado pelo U. Leiria, que foi vencer a Braga (3-5).

Num dia de muito calor na Vila das Aves, Paulo Madeira lesionou-se ainda no aquecimento, com Toni a fazer recuar Geraldo para o eixo da defesa e a incluir Chano no «onze».

O Desportivo das Aves teve um início de jogo em grande, com Douala a inaugurar o marcador logo aos 3 minutos, aproveitando bem um desentendimento do meio campo «encarnado».

Respondeu o Benfica com um bom cruzamento de Maniche, aos 10 minutos, com Braima a afastar a bola quando Van Hooijdonk se preparava para empatar.

Abílio ampliou a vantagem aos 19 minutos, através de uma grande penalidade cometida por Fernando Meira sobre Rui Lima.

Douala bisa no jogo e coloca o resultado em 3-0, novamente a aproveitar uma falha da defesa «encarnada».

Toni decidiu então mexer na equipa, trocando o desastrado Fernando Meira e Chano, por Sérgio Nunes e Carlitos. Os resultados foram imediatos, com Van Hooijdonk e João Tomás a relançar o jogo em apenas cinco minutos.

Primeiro, o holandês marca de livre e, depois, João Tomás surge livre de marcação na sequência de um canto e marca o segundo.

Para a segunda parte, já se esperavam mais golos, com Toni a trocar João Tomás por André. Van Hooijdonk empatou jogo, aos 65 minutos, e estava quase operada a reviravolta de 3-0 para 4-3.

Mas seria Marco Aleixo a apontar o melhor golo da tarde, através de um livre directo, que deixou Enke sem hipóteses. O Benfica acabou por chegar merecidamente ao empate, já nos últimos minutos, por intermédio de André, depois de Carlitos ter enviado um remate à trave.

  COMENTÁRIOS