Cultura

Feira franca mais antiga de Portugal e Espanha arranca hoje em Viseu

Está de volta a Viseu aquela que é a feira franca mais antiga da Península Ibérica. O certame cumpre este ano a edição 625.

A história da feira e da cidade de Viseu confundem-se ao longo dos séculos, estando as duas ligadas umbilicalmente. O evento criado em 1392 por decreto do rei D. João I foi sobrevivendo porque se soube adaptar às exigências dos tempos, afirmou TSF Luís Fernandes, um dos três historiadores que está a investigar o certame a pedido a organização.

A feira franca começou por ser um mercado onde se vendiam vários produtos, tendo sido no século XVIII um dos principais do país. Com o passar dos anos, a iniciativa foi perdendo relevância e chegou a estar à beira do fim. Em 1927, pelo cunho capitão Almeida Moreira, autarca e um dos organizadores, o evento ganhou o figurino de feira festa que tem hoje, uma modernização inspirada no que se fazia lá fora que a salvou.

A Feira de S. Mateus abre esta noite ao público, com destaque para a atuação de uma orquestra comunitária de percussão que, para além dos instrumentos musicais, usa utensílios de cozinha, como tachos e frigideiras para fazer música. Amanhã atua um dos cabeças de cartaz, o brasileiro Seu Jorge. O evento termina no dia 17 de setembro.

  COMENTÁRIOS