Desporto

Pedro Martins quer equipa igual a si própria para eliminar o Benfica

O treinador do Marítimo, Pedro Martins, garantiu hoje que quer derrotar na sexta-feira o Benfica, nos oitavos-de-final da Taça de Portugal, afiançando que vai aplicar os mesmos princípios que tem utilizado na Liga portuguesa.

«Creio que será um jogo aberto, porque normalmente são assim os jogos da Taça de Portugal. O Marítimo vai jogar sob os mesmos critérios e princípios e obviamente que o fará com o objectivo de vencer», adiantou.

Na antevisão da partida dos Barreiros, Pedro Martins disse acreditar que a eliminatória ficará resolvida nos 90 minutos ou, no máximo, com recurso ao prolongamento.

«Ninguém estará interessado em resolver a eliminatória nas grandes penalidades, para evitar o factor sorte. Queremos vencer e acredito que, jogando bem e sendo consistentes, estaremos mais perto de concretizar o nosso objectivo», explicou.

Relativamente ao adversário, Pedro Martins não tem dúvidas ao valor do Benfica, que considera que «é uma equipa excelente e bem orientada».

«Sabemos que vamos sentir dificuldades, mas também atravessamos um bom momento», observou.

O facto de o treinador do Benfica, Jorge Jesus ter revelado que não fará poupanças nos jogadores, mereceu também um comentário do técnico do Marítimo.

«É sinal de respeito, de que reconhecem o nosso valor, mas também porque o objectivo do Benfica não é apenas ser campeão mas também vencer a Taça de Portugal», sublinhou.

Depois de garantir que vai respeitar o acordo com os guarda-redes, concedendo a titularidade ao jovem Ricardo Ferreira, o treinador do Marítimo considerou ainda que no Benfica poderão existir diferenças, consoante as opções de Jorge Jesus para o ataque.

«Se jogar Cardozo, a equipa tem uma referência forte no ataque mas perde mobilidade. Se a opção recair sobre Rodrigo é o contrário. São ambos grandes jogadores, com muita qualidade, mas diferentes», considerou.

O Marítimo recebe o Benfica de sexta-feira, às 20:15, no Estádio dos Barreiros, no Funchal, num jogo que será arbitrado pelo portalegrense Paulo Baptista.

  COMENTÁRIOS