Ciclismo

Pais de Alarcón confiantes da vitória

Raúl Alarcón vestiu a camisola amarela na 1ª etapa, em Setúbal, e desde então nunca mais a largou. Os pais do espanhol vieram a Portugal para apoiá-lo e estão confiantes que vai ganhar a Volta.

Juana Espin e António Alarcón deixaram a povoação de Sax, perto de Alicante, Espanha, e atravessaram a fronteira até Portugal. O filho Raúl lidera a Volta a Portugal e o apoio não pode faltar.

O pai deu ao filho a primeira bicicleta, mas Raúl só queria jogar à bola. "Ele só gostava de futebol. Só queria saber do Real Madrid. Comprei-lhe uma bicicleta quando tinha seis ou sete anos e preparei-a. Mas o Raúl não lhe ligava. E quando fez 11 anos disse-me: 'papá, quero a bicicleta!'", recorda António Alarcón.

Passaram 20 anos, e Raul Alarcón nunca mais parou de pedalar. A mãe, Juana Espin, gosta de ver o filho a competir mas está sempre com o coração nas mãos. "Tenho medo que ele caia e que lhe aconteça alguma coisa, por isso, respeito muito a bicicleta. Mas sei que o meu filho tem muita segurança a pedalar, diz à TSF."

Sobre a Volta a Portugal Juana Espin tem um certeza: "vai ganhar! Sei que vai ganhar porque está muito forte".

Confiança não falta a Juana e António, os pais que esperam ver o nome de Alarcón entre os vencedores da prova rainha do ciclismo português.

  COMENTÁRIOS