Economia

Futi, primeiro carro eléctrico português a ser comercializado

O Futi, um automóvel português onde só o motor é de origem francesa, vai começar a ser comercializado ao público em Junho de 2009, sendo que as primeiras dez unidades serão vendidas em Março a uma empresa.

O automóvel de dois lugares, produzido na aldeia de Pernelhas, no distrito de Leiria, é ideal para deslocações curtas e baixas velocidades, já que não passa dos 80 quilómetros/hora, explicou à TSF o empresário António Febra, que tem como mercados-alvo Portugal e Inglaterra.

Apesar de não apresentar grandes luxos, como vidros eléctricos ou ar condicionado, o Futi é muito económico, consumindo 70 cêntimos por cada cem quilómetros.

O Futi, que custa menos de dez mil euros, funciona com baterias de gel, mas uma versão posterior, que está a ser ultimada em universidades, terá painéis solares.

Percorra a galeria de imagens acima clicando sobre as setas.

  COMENTÁRIOS