Presidenciais

Eleições tranquilas e com afluência às urnas de 15,82% até ao meio-dia

João Almeida, porta-voz da Comissão Nacional de Eleições confirma o boicote na freguesia do Muro, mas faz um balanço positivo das primeiras horas de votação. Até às 12 horas votaram 15,82% dos eleitores.

As mesas de voto para as eleições presidenciais abriram hoje às 08:00 em Portugal Continental e na Madeira, encerrando às 19:00.

Nos Açores, as mesas de voto abrem e encerram uma hora depois em relação à hora de Lisboa, devido à diferença horária.

Mais de 9,7 milhões de eleitores são chamados a escolher o novo Presidente da República, que irá substituir Cavaco Silva, sendo dez os candidatos, o que constitui um recorde de nomes no boletim de voto.

A afluência às urnas para a eleição do novo presidente da República situava-se, até às 12:00 de hoje, nos 15,82 por cento, segundo dados da Comissão Nacional de Eleições.

Nas últimas eleições presidenciais, a 23 de janeiro de 2011, e à mesma hora, a afluência às urnas foi de 13,39 por cento.

Nas presidenciais de 2006, a abstenção atingiu os 38,47 por cento.

As urnas para as eleições presidenciais abriram hoje às 08:00 em Portugal Continental e na Madeira e uma hora depois nos Açores devido à diferença horária, encerrando às 19:00.

Para o sufrágio de hoje estão inscritos 9.741.792 eleitores, mais 85.318 do que em 2011.

  COMENTÁRIOS