TSF

  • Menu
  • Ouvir Emissão
angola

Polícia deteve 24 pessoas e seis foram feridas, noticia Angop

A polícia angolana indicou que 24 pessoas foram detidas na sequência da manifestação, em Luanda, que pedia a destituição do Presidente angolano, segundo a agência de informação Angop.

PUB

De acordo com um comunicado da Polícia Nacional de Angola, citado pela agência de notícias angolana Angop, três oficiais e um agente da polícia, juntamente com três cidadãos foram feridos por elementos ainda não identificados perto do Largo Sagrada Família, em Luanda, na sequência de uma manifestação.

A polícia justifica que as pessoas ficaram feridas quando efectivos da corporação tentavam persuadir alguns cidadãos a não abandonarem o espaço protegido para o referido ato, a fim de evitar a desordem pública.

«Contrariando as orientações da polícia, alguns indivíduos, de forma anárquica, forçaram o cordão de segurança policial, proferindo ofensas verbais contra pacatos cidadãos que circulavam nas redondezas e aos efectivos da Polícia Nacional, alegando que pretendiam dirigir-se ao palácio», diz a Polícia no comunicado citado pela Angop.

As autoridades dizem ainda que foi «o incumprimento da ordem da polícia [que] gerou um clima de violência entre os transeuntes e os manifestantes, que culminou no arremesso de objectos contundentes, que estiveram na causa dos ferimentos», e que terão «obrigado» a polícia a deter 24 pessoas, «para que os órgãos competentes façam justiça», lamentando ainda a situação.

  COMENTÁRIOS

Ouvir Emissão