União Europeia

Antonio Tajani: saída do Reino Unido da UE é uma oportunidade

No dia do debate sobre o Estado da União, no qual se espera que Jean-Claude Juncker aponte pistas sobre o futuro da Europa, a TSF conversou com o presidente do Parlamento Europeu sobre o Brexit.

Antonio Tajani mostra-se confiante em relação a um acordo, acredita que será possível evitar chamado "hard Brexit" e diz mesmo que a saída de um dos elementos da família europeia pode até representar uma oportunidade. "Certamente que a saída da Grã-Bretanha não é um facto positivo, mas não é o principal problema da União Europeia. Alcançaremos um acordo", disse o presidente do Parlamento Europeu.

No entanto, Antonio Tajani entende que a União Europeia não deve facilitar durante as negociações. "Defenderemos as nossas posições, a começar pela proteção dos direitos de 3,5 milhões de cidadãos europeus que vivem no Reino Unido. Bater-nos-emos para que o Reino Unido respeite todos os compromissos económicos assumidos. Não queremos nem um euro a mais, mas também nem um euro a menos daquilo que o Reino Unido deve pagar. Em terceiro lugar. O terceiro ponto é o controlo das fronteiras de um bom acordo de fronteira entre a Irlanda do Norte e a República da Irlanda", explicou.

O presidente do Parlamento Europeu vê o Brexit até como uma oportunidade, nomeadamente trazer de volta uma coesão que parecia enfraquecida. "Na verdade, nestes [últimos] meses é isto que tem estado a acontecer, com todos os Estados-Membros e as instituições europeias a assumirem as mesmas posições", vincou Tajani.

O presidente do Parlamento Europeu espera que a União Europeia possa continuar a contar com o Reino Unido como parceiro, nomeadamente em matéria de na luta contra o terrorismo, na cooperação em matéria de defesa.

Europa, que futuro? Veja o debate TSF em Estrasburgo com eurodeputados portugueses

  COMENTÁRIOS