Eleições EUA

EUA vão responder à pirataria informática da Rússia

Em causa estão os ataques informáticos que aconteceram durante as eleições norte-americanas para interferir nos resultados. Barack Obama disse que vão ser tomadas medidas contra a Rússia.

Barack Obama

"Creio que não há dúvida de que se um governo estrangeiro, seja ele qual for, tenta afetar a integridade das nossas eleições, precisamos de agir", disse Obama numa entrevista à rádio pública norte-americana NPR.

"E nós vamos [fazê-lo], no momento e lugar em que decidamos", acrescentou o Presidente norte-americano.

Responsáveis dos serviços de informação dos Estados Unidos acreditam que o Presidente russo, Vladimir Putin, está pessoalmente envolvido no caso da pirataria informática que marcou as eleições Presidenciais dos Estados Unidos de 8 de novembro.

A rede de televisão NBC divulgou que o envolvimento de Putin teria sido motivado por um desejo de vingança contra Hillary Clinton, candidata Presidencial pelo Partido Democrata nas eleições de 08 de novembro.

O próprio Putin teria dado instruções sobre como filtrar e utilizar as mensagens roubadas ao Partido Democrata através da pirataria informática, revelou hoje a NBC, citando dois funcionários que teriam conhecimento desta informação. Os responsáveis dizem ter "um alto grau de confiança" nestas conclusões.

  COMENTÁRIOS