CDS-PP

Mota Soares acusa Marcelo de pôr em causa relação entre CDS e PR

Mota Soares acusou o conselheiro de Estado Marcelo Rebelo de Sousa de estar a pôr em causa a relação entre Cavaco Silva e um dos partidos que o apoiou.

Numa acção de campanha do CDS-PP este sábado à noite em Viseu, o partido cerrou o ataque ao comentador Marcelo Rebelo de Sousa.

«O professor Marcelo Rebelo de Sousa é conselheiro de Estado e é conselheiro de Estado nomeado pelo senhor Presidente da República. Tenho que lhe dizer que os seus comentários não podem pôr em causa a relação que o senhor Presidente da República tem com um dos partidos que esteve na base da sua eleição», afirmou Mota Soares.

O candidato por Lisboa e ex-líder parlamentar lembrou a Marcelo Rebelo de Sousa que um conselheiro de Estado deve ter «responsabilidade, contenção, equidade e imparcialidade», reagindo ao facto de o comentador ter apelado ao voto útil contra o CDS.

Paulo Portas aplaudiu e falou também nesta questão: «Andam por aí a falar naquilo que eles chamam de votos úteis. Votos úteis ou deputados úteis?»

O líder do CDS-PP frisou que os votos não são de ninguém e colocou PS e PSD no mesmo saco das criticas.

  COMENTÁRIOS