TSF

  • Menu
  • Ouvir Emissão
orçamento 2016

Catarina Martins: "Tem havido uma grande coesão no Bloco"

A líder do Bloco anda pelo país a explicar o voto sim no Orçamento aos militantes - e garante que a coesão é total. Para o Programa de Estabilidade, fica o alerta: tudo ok, se o PS continuar o mesmo caminho.

PUB
Catarina Martins: pelo país a explicar o Orçamento aos militantesPedro Granadeiro / Global Imagens

O Bloco está coeso quanto ao caminho seguido - de apoio ao Governo do PS. É isso que garante Catarina Martins à TSF, numa curta entrevista a propósito do primeiro Orçamento viabilizado ao PS de António Costa.

"Temos conversado muito, tem havido uma grande coesão no bloco sobre este caminho, sobre a necessidade de o BE ser uma força que possa permitir ao país parar com o empobrecimento. Se é verdade que sentimos que pode ser feito muito mais", admite Catarina Martins, também é certo que no Bloco não há dúvidas que este é o caminho que deve ser seguido".

"As pessoas sempre quiseram que o Bloco se co-responsbilizasse ou mesmo governasse o país - os que votam no bloco é para isso que votam", diz a líder do partido. Por isso, tem feito "sessões públicas por todo o país. Há uma enorme expectativa de que BE seja garantia de proteção de salários, de pensões", mas também é preciso "prestar contas sobre o que o partido faz a cada momento".

Como o PCP, também o Bloco se mantém na expectativa relativamente ao Programa de Estabilidade - o documento que António Costa terá de entregar em Bruxelas em abril, definindo as metas orçamentais e reformas até ao fim da legislatura. "Ainda não começámos a falar", diz a líder bloquista. As linhas vermelhas, essas, são conhecidas (e reiteradas): "O acordo tem uma trave mestra. Estaremos juntos com uma maioria para garantir a recuperação de rendimentos e defesa do Estado social. É com esta balizas que o BE se entende com o PS e com as outras forças políticas".

Mas o Bloco, garante, tem "confiança num programa político claro, que toda a gente pode perceber - e escrutinar também".

  COMENTÁRIOS

Ouvir Emissão