Turismo

Um milhão de turistas, todos os meses, mesmo em época baixa

O Governo diz que o turismo está a criar empregos e anuncia experiência de voo charter para o Japão, um hotel-escola em Setúbal e uma plataforma para atrair congressos e eventos para Portugal

Mesmo nos meses da época baixa, entre janeiro e março, Portugal registou a entrada de "pelo menos um milhão de turistas, por mês.

Os dados foram avançados pela secretária de Estado do Turismo, Ana Mendes Godinho, durante um debate parlamentar sobre Turismo, promovido pelo PS.

"Só no primeiro trimestre deste ano, a hotelaria e a restauração criaram 39 mil e 700 postos de trabalho", disse a secretária de Estado, sublinhando que "o crescimento está a acontecer em todo o país".

"Os Açores, Porto/Norte e o Alentejo quase que triplicaram o crescimento do turismo. Pela primeira vez, não estamos a ter nenhum mês abaixo de um milhão de hóspedes", garantiu Ana Mendes Godinho.

O PS apresentou recomendações ao Governo para que seja promovido o turismo ligado à Saúde e à Ciência e para que haja medidas para impulsionar o turismo em todo o território, mas foi acusado por PSD, CDS e até BE de apresentar "medidas vagas", "pouco ambiciosas" e "remedozinhos" para colocar o Turismo na agenda.

Apostada em mostrar que o Governo "irá mexer no que é preciso", anunciou que vai ocorrer, este ano, o "teste" de uma ligação aérea teste entre Portugal e Japão, no âmbito da estratégia de captação de mercados.

A secretária de Estado do Turismo sublinha a existência de 138 novas operações aéreas, incluindo a "duplicação da capacidade para os Estados Unidos", o novo voo direto para a China, em julho, as ligações permanentes para a Escandinávia e Alemanha.

Da esquerda, o Governo ouviu o aviso de que, para relançar o Turismo ligado à Saúde, o Estado "não pode promover com dinheiros públicos o negócio dos privados" e que deve existir "mais investimento público na Saúde e Educação, aproveitando a folga orçamental graças ao bom desempenho económico".

Novo Hotel-Escola em Setúbal

A secretária de Estado do Turismo anunciou, durante o debate, a abertura, em Setúbal, a 29 de maio, do hotel de aplicação (onde os alunos de hotelaria podem treinar).

O hotel estava encerrado desde 2013 e a gestão vai ser entregue aos estudantes.

Até ao final do mês vai ser, também, criada uma plataforma ligada ao segmento MICE (congressos e eventos), que "irá agregar as infraestruturas disponíveis no país para a realização de congressos e eventos, assim como a sua calendarização para que o setor hoteleiro se prepare para a procura", explicou Ana Mendes Godinho.

  COMENTÁRIOS