Parlamento

Assunção Esteves vai receber representantes das forças de segurança em protesto

A Presidente da Assembleia da República vai receber hoje uma comitiva da Comissão Coordenadora Permanente (CCP) dos Sindicatos e Associações dos Profissionais das Forças e Serviços de Segurança.

O grupo de representantes das forças de segurança deverá ser encabeçado pelo secretário nacional, Paulo Rodrigues, e tem audiência prevista com a segunda magistrada da nação dependente da hora da chegada a São Bento, após o percurso desde o Marquês de Pombal.

Em 21 de novembro de 2013, milhares de elementos das diversas forças de segurança já se tinham manifestado em frente da Assembleia da República, em protesto pelos cortes nos salários e outros suplementos, tendo galgado as escadarias, contra as indicações dos colegas de profissão, embora parando à porta.

O protesto de hoje também congrega os sindicatos mais representativos da GNR, PSP, ASAE, SEF, Guarda Prisional e Polícia Marítima, além de as organizações corporativas dos militares terem indicado a possibilidade estar presentes.

A rua de São Bento, em frente à porta principal do Parlamento, começou lentamente a ficar mais composta depois das 19:00. Nos parques exteriores do Palácio de São Bento estão estacionadas dezenas de viaturas de intervenção rápida da PSP e da GNR.

Antes, verificou-se uma pequena manifestação por parte de feirantes e operadores de carrosséis, que estacionaram alguns carros alegóricos à frente das escadarias do Parlamento e foram também recebidos por um dos vice-presidentes da Assembleia da República.

Os trabalhos da sessão plenária de hoje decorreram normalmente e terminaram por volta das 18:00. A esmagadora maioria dos deputados e funcionários abandonou as instalações nessa altura.

  COMENTÁRIOS