exportações

Passos Coelho diz que é «pouco abonado»

O primeiro-ministro esteve no Salão Internacional do Setor Alimentar e Bebidas, onde provou bacalhau e disse que este é cada vez mais um produto para «pessoas abonadas», confessando-se ele próprio «pouco abonado». Passos Coelho falou também das exportações nacionais.

O primeiro-minnistro quer que as exportações nacionais cheguem aos 52% do PIB já em 2020. A meta foi anunciada, esta tarde, por Pedro Passos Coelho no SISAB, o Salão Internacional do Setor Alimentar e Bebidas.

Passos Coelho esteve quase três horas de visita à feira, onde contactou com o setor exportador. O primeiro-ministro aproveitou para recomendar «bolas anti-stress» para alguns políticos.

O chefe de Governo provou bacalhau e comentou que este é um produto cada vez mais para «pessoas abonadas», assumindo-se como um primeiro-ministro «pouco abonado».

  COMENTÁRIOS