ONU

Portugal na lista negra da OMS quanto à violência sobre idosos

Portugal está na lista negra da Organização Mundial de Saúde (OMS) no que toca à violência sobre idosos. Um relatório conclui que os idosos maltratados são um sério problema no país.

No Relatório sobre a Prevenção contra os Maus Tratos a Idosos, citado pelo Diário de Notícias deste domingo, a agência de saúde da ONU revela que 39 por cento dos idosos portugueses são maltratados.

A OMS analisou mais de 50 países europeus e Portugal aparece entre os seis países com um cenário mais negro. A gravidade do problema repete-se, apenas, na Sérvia, na Áustria, em Israel, na Macedónia e na Eslováquia.

Para chegar a esta conclusão, o relatório cita, essencialmente, um estudo que inquiriu mulheres portuguesas a viver sozinhas em casa.

De acordo com os resultados, 39 por cento das inquiridas são vítimas de violência ou abusos, 32 por cento alvo de abusos psicológicos, 17 por cento de extorsão, 13 por cento de agressões físicas e 10 por cento de negligência.

O relatório da OMS afirma que os principais abusadores tendem a ser da própria família. Por norma, são os filhos ou os netos das vítimas.

Na Europa, quatro milhões de idosos são vítimas de humilhações, quer físicas quer psicológicas.

  COMENTÁRIOS