TSF

  • Menu
  • Ouvir Emissão
militares

Mais de 50 generais e almirantes discutem futuro das Forças Armadas

O jantar-debate entre militares na reserva ou reformados, de altas patentes, acontece em Lisboa e no Porto. Pelo menos 250 militares já confirmaram presença.

PUB

A iniciativa partiu de alguns generais e almirantes na reserva ou na reforma depois de ouvirem uma entrevista do Ministro da Defesa, na semana passada, em que este admitiu um corte superior a 200 milhões de euros na despesa.

O general Loureiro dos Santos é um dos organizadores e fala num sinal de preocupação, pois as reduções podem colocar em causa «o quadro estratégico que neste momento existe e pode condicionar os interesses nacionais».

As medidas exatas ainda não são conhecidas ao certo mas o pouco que se sabe é suficiente para preocupar estas altas patentes das Forças Armadas.

Na semana passada, em entrevistas à TVI e RTP, Aguiar-Branco confirmou um corte superior a 200 milhões de euros nas Forças Armadas a partir de 2014 e um eventual corte de 40 milhões ainda este ano.

O governante apontou ainda a intenção de reduzir o número de efetivos de 38 mil para 30 mil até 2020.

Até ao momento, existem 250 inscrições para este jantar-debate, 200 em Lisboa e as outras num segundo debate que se realiza à mesma hora no Porto.

Em Lisboa, o jantar-debate é no espaço Tejo e no Porto será na Fundação Cupertino de Miranda.

  COMENTÁRIOS

Ouvir Emissão