Sociedade

INEM reforça meios no Algarve durante o verão

O INEM lembra que, durante o verão, a "população cresce de forma considerável". Os meios de resposta médica foram também reforçados pela Administração Regional de Saúde.

O Instituto Nacional de Emergência Médica (INEM) vai reforçar meios no Algarve e operacionalizar uma ambulância para o concelho de Alcoutim, no âmbito de um protocolo de colaboração que vai ser assinado na segunda-feira, em Faro.

O protocolo vai permitir ao INEM e aos parceiros dos Bombeiros e da Cruz Vermelha Portuguesa (CVP) "aumentar o dispositivo de meios de emergência no verão" para "reforçar a capacidade de resposta a situações de acidente ou doença súbita" no Algarve, adiantou o Instituto em comunicado.

O INEM recordou que, no Algarve, durante o verão, a "população cresce de forma considerável" e o dispositivo de reforço sazonal já tem meios em atividade desde 1 de junho, que se vão manter até 30 de setembro, e se juntaram aos "já existente durante o resto do ano".

"O reforço sazonal de meios do INEM prevê mais sete ambulâncias e dois motociclos", precisou o Instituto, adiantando que há uma ambulância de socorro na Cruz Vermelha em Portimão, Altura (Castro Marim), Almancil (Loulé), Ferreiras (Albufeira) e Armação de Pera (Silves), e nos Bombeiros Voluntários de Portimão e nos de Albufeira que, além da ambulância, contam também com um motociclo cada.

O INEM justificou a decisão de reforçar os meios de emergência na região do Algarve com "uma análise pormenorizada das ocorrências", cujos dados disponíveis demonstram que "o aumento da população durante o período estival não tem um aumento proporcional do número de solicitações ao INEM", mas aconselham "ajustamentos regionais para melhorar a capacidade de resposta".

"Por este motivo, e por ocasião da 36ª Concentração Internacional de Motos, o INEM vai ainda colocar em funcionamento nos dias 21, 22 e 23 de julho, na cidade de Faro, mais uma ambulância de suporte imediato de vida e mais um motociclo de emergência médica", anunciou.

O Instituto responsável por coordenar o sistema de emergência médica em Portugal adiantou que vai, na cerimónia de segunda-feira, protocolar ainda a constituição de um posto de emergência médica nos Bombeiros Voluntários de Alcoutim, onde passará a funcionar uma ambulância para "prestar cuidados pré-hospitalares à população do concelho, reforçando a assistência médica pré-hospitalar a situações de acidente ou doença súbita".

Com o verão e a maior afluência de pessoas ao Algarve, os meios de resposta médica foram também reforçados pela Administração Regional de Saúde (ARS) do Algarve, que abriu 32 de postos de assistência em praias da região, com um enfermeiro, em colaboração com a CVP e articulação com os centros de saúde mais próximos. A ARS também alargou o horário de funcionamento dos centros de saúde nas zonas com mais afluência.

  COMENTÁRIOS