Ciência

Yes Meeting: um psicopata, um Nobel e 500 estudantes reunidos no Porto

A Yes Meeting é um encontro na área das ciências biomédicas, com a particularidade de ser organizado por (e para) estudantes, na maioria portugueses, embora conte com muitos vindos de todo o mundo.

Um "psicopata" e uma vencedora de um prémio Nobel são dois dos convidados da Yes Meeting, uma conferência que vai decorrer a partir de quinta-feira, na Faculdade de Medicina do Porto e que vai já na sua 12ª edição.

É um encontro na área das ciências biomédicas, com a particularidade de ser organizado por (e para) estudantes, na maioria portugueses, embora conte com muitos vindos de todo o mundo.

De Portugal à Costa do Marfim, Indonésia e Estados Unidos, este ano vão ser 500 os estudantes que participam no congresso.

Entre os palestrantes convidados, está Ada Yonath, vencedora do Nobel da Física em 2009, e Nicholas Lydon, que ganhou um prémio Lasker. No Porto estará ainda Catarina Coimbra, da organização do Yes Meeting, e o professor James Fallon, um autoproclamado psicopata.

Depois de ouvirem o caso do autodiagnosticado psicopata, haverá uma novidade nesta edição da Yes Meeting: uma competição. Terminada a competição continua a festa, com o jantar de gala do Yes Meeting e, no dia seguinte, segue-se uma visita ao Porto.

Entre estudantes de medicina, psicopatas e vencedores de prémios Nobel, o décimo segundo Yes Meeting começa quinta-feira, no Porto, e desenrola-se até domingo.

  COMENTÁRIOS