Saúde

Centenas de cirurgias adiadas por causa da greve dos enfermeiros

O presidente dos administradores hospitalares revela à TSF que já se fazem sentir os efeitos da greve dos enfermeiros. Hoje há uma nova ronda de negociações.

O Jornal de Notícias revela na edição desta quinta-feira que o Hospital de São João e o Hospital de Gaia não estão a recolher sangue por causa da falta de enfermeiros. É uma consequência da greve destes profissionais que começou segunda-feira e termina sexta-feira.

À TSF, Alexandre Lourenço, presidente dos administradores hospitalares, revela que há centenas de cirurgias que estão a ser adiadas.

Para esta quinta-feira está agendada mais uma reunião do Sindicato dos Enfermeiros Portugueses no Ministério da Saúde. Em cima da mesa está a reivindicação dos enfermeiros especialistas para que seja criada uma carreira específica que atenda a esta especialidade com a correspondente valorização salarial.

A reunião de terça-feira em que esteve presente o ministro da Saúde, Adalberto Campos Fernandes, foi inconclusiva.

O Instituto Português do Sangue garante à TSF que não há problemas com as reservas, apesar da greve dos enfermeiros.

  COMENTÁRIOS