violência escolar

Bullying: escola abre investigação a «incidente» que envolveu rapaz que se suicidou

Ouvido pela TSF, o diretor do agrupamento escolar não revela que tipo de incidente está a ser investigado e limita-se a falar numa «brincadeira» dentro da escola. O ministro da Educação também já anunciou a abertura de um inquérito.

O diretor do agrupamento de escolas de Palmeira, em Braga, revela que foi aberta uma investigação a um incidente que envolveu o adolescente que se suicidou na passada semana, alegadamente por ser vítima de bullying.

Ouvido pela TSF, Fausto Farinha lamentou o incidente e apresentou as condolências à família.

Fausto Farinha garante, no entanto, que não teve conhecimento de qualquer situação fora do normal vivida pelo adolescente na escola mas revela que está a ser investigado um incidente verificado a semana passada dentro da escola e que envolveu este rapaz.

O diretor do agrupamento escolar não revela que tipo de incidente está a ser investigado e limita-se a falar numa «brincadeira» dentro da escola.

Segundo o jornal Correio da Manhã, que noticia o caso, o jovem de 15 anos queixava-se com frequência aos vizinhos da forma como era tratado na escola, admitindo mesmo que um dia acabaria por desistir.

O ministro da Educação já comentou este caso e anunciou que a Inspeção Geral da Educação abriu um inquérito.

«Temos de ser inflexiveis com o bullying e com todos estes problemas que começam de muito pouco e que depois se transforma neste tipo de tragédias», disse Nuno Crato, apresentando as condolências à familia.

  COMENTÁRIOS