TSF

  • Menu
  • Em Directo
saúde

OMS diz que fumos de escape de automóveis a gasóleo podem ser cancerígenos

A OMS reclassificou estes fumos no ranking dos produtos cancerígenos e entende agora que estes podem provocar o cancro do pulmão com a mesma probabilidade que o tabaco.

PUB

A Organização Mundial de Saúde alertou para o perigo dos fumos libertados pelos escapes dos automóveis a gasóleo, dizendo agora os especialistas que estes podem provocar cancro no pulmão e aumentar a possibilidade de cancro da vesícula.

A equipa internacional para a pesquisa do cancro da OMS diz que a exposição a estes fumos tem a mesma probabilidade de provocar cancro do pulmão que o tabaco, ao passo que é potencialmente cancerígena no caso do cancro da vesícula.

Por isso, os investigadores reclassificaram os vapores do gasóleo no ranking dos produtos cancerígenos passando-os do grupo 2, que agrupa os produtos potencialmente cancerígenos para o grupo 1, onde estão os produtos com impactos diretos.

  COMENTÁRIOS

Em Directo

Registe-se e receba diariamente a nossa Newsletter