dívida

Pequena cidade alemã reclama dívida de 450 anos a Berlim

Na Alemanha, uma cidade está a reclamar uma dívida com 450 anos. Mittenwalde emprestou dinheiro a Berlim que nunca pagou.

No dia 28 de Maio de 1562 a cidade de Mittenwald concordou em emprestar 400 moedas de ouro a Berlim. O documento que atesta esta dívida define a contrapartida pelo empréstimo.

A cada ano que passa, sem que a dívida seja paga, acrescem 6% de juros. A nota de dívida repousou com o tempo e foi agora encontrada.

Depois de 450 anos as 400 moedas de ouro nunca foram devolvidas por Berlim a Mittenwalde.

A capital da Alemanha tem um balanço francamente negativo nas contas, que já soma 63 milhões de euros. Uwe Pfeiffer, o burgomestre, ou seja, o presidente da Cãmara de Mittenwalde fez as contas, com o papel do século XVI e uma calculadora do século XXI.

Chegou a um número mais ou menos polido de 136 milhões e 790 mil euros. Já perguntou a Berlim quando é que tencionam pagar, mas até agora não teve resposta.

Se Berlim pagar, mais que triplica a dívida, mas fará da Mittenwalde, uma cidade de 9 mil habitantes, uma das mais ricas da Alemanha e até da Europa. Uwe Pfeiffer já tem planos para construir um centro social, escolas e creches.

A autenticidade da nota de dívida está agora a ser verificada, mas o burgomestre cristão-democrata já deixou uma mensagem bem clara. Se não era para ser paga a dívida, porque foi mantida a nota que a atesta?

  COMENTÁRIOS