Vida

Tom Jobim morreu há 20 anos e sua obra permanece eterna (vídeos)

A 8 de dezembro de 1994 morria o compositor mais influente da música brasileira. O homem que levou a bossa nova à consagração internacional deixou hinos como «Águas de Março» e «Garota de Ipanema» que ainda hoje encantam o planeta.

É considerado por muitos como o compositor brasileiro mais importante e influente do século XX.

Tom Jobim foi fundamental para o lançamento da bossa nova na década de 50 e foram mutas as musicas que marcaram várias gerações. Entre elas uma «Garota de Ipanema», escrita por Vinicius de Morais, tem melodia de Tom Jobim e conquistou Frank Sinatra.

«Garota de Ipanema» venceria o Grammy em 1965, em competição com os Beatles, Rolling Stones e Elvis Presley.

Tom Jobim participou em mais de 50 discos e deu ao mundo muitos outros sucessos, como «O Desafinado», que a voz de João Gilberto imortalizou. Mas muitas outras figuras do Jazz deixaram-se render às melodias de Tom Jobim, como Ella Fitzgerald.

Também «Samba do Avião, «Ela é Carioca», «Sei Que Vou Te Amar» e «Águas de Março», com Ellis Regina, ficariam no ouvido de milhões.

O compositor, cantor, pianista e violinista morreu em Nova Iorque, a 8 de dezembro de 1994, deixando uma herança universal.

  COMENTÁRIOS