Estoril Open

Frederico Gil e Gonçalo Nicau eliminados em pares

A dupla portuguesa formada por Frederico Gil e Gonçalo Nicau foi, esta quarta-feira, eliminada na primeira ronda do torneio de pares masculinos do 17º Estoril Open. Destaque ainda para a tenista argentina Gisela Dulko que venceu a compatriota Paola Suarez, qualificando-se para os quartos-de-final.

Os dois portugueses foram derrotados pelos checos Lukas Dlhouy e Pavel Vizner, os segundos cabeças de série, em dois "sets", pelos parciais de 6-3 e 6-2, em apenas 52 minutos.

Esta derrota representou a despedida do torneio apenas para Gonçalo Nicau, pois Frederico Gil mantém-se em prova no quadro de singulares, onde defrontará quarta-feira o russo Dmitry Tursunov, sexto cabeça de série.

No final do encontro, Frederico Gil justificou a derrota com a falta de rotina conjunta entre ele e Gonçalo Nicau.

Ainda hoje, outra dupla portuguesa entra em acção no torneio de pares. O veterano Nuno Marques, já retirado do circuito, faz uma "perninha" com o seu actual "pupilo", Leonardo Tavares, frente ao par formado pelo norte-americano Justin Gimelstob e o espanhol Albert Portas.

Noutros resultados já apurados, a tenista argentina Gisela Dulko, segunda favorita, venceu a compatriota Paola Suarez e qualificou-se para os quartos-de-final.

Em partida disputada no Centralito, Dulko, semi-finalista em 2005, superiorizou-se por claros 6-2 e 6-1, em 61 minutos.

No acesso às meias-finais, a argentina defronta a vencedora do encontro entre a "qualifier" checa Katerina Bohmova e a chinesa Na Li, oitava pré-designada e finalista o ano passado.