Conteúdo Patrocinado

A tradição ainda mora aqui

Conteúdo patrocinado. Afinal, o paladar tem poderes que a própria razão desconhece.

Nem que seja por causa do cozido à portuguesa, todos nós conhecemos o delicioso paladar de um bom enchido. O aroma de uma chouriça ou morcela acabada de assar evoca, a muita gente, reconfortantes memórias de infância e bons momentos em família. De norte a sul do país, os portugueses são exímios na produção de enchidos, e o inverno é uma boa altura para se deixar aquecer com estes petiscos.

E a pensar nos deliciosos paladares portugueses, até ao dia 25 de fevereiro, na Feira de Queijos, Enchidos e Vinhos do Continente, será possível encontrar as nossas iguarias preferidas a ótimos preços. É uma boa altura para confirmar que, além dos queijos, os nossos vinhos combinam como sopa no mel com enchidos - ou não fossem todos, afinal, conterrâneos e produtos de anos da melhor tradição portuguesa.

Os queijos, enchidos e vinhos nacionais são os protagonistas nas próximas semanas. Dos paladares intensos do Minho e Trás-os-Montes; aos enchidos caracterizados pelos temperos típicos em massa de pimentão e os queijos curados de ovelha e cabra do Alentejo; passando pelos enchidos fumados e as texturas amanteigadas dos queijos de ovelha da Beira, a oferta é ampla e contempla o melhor que se faz em Portugal.

Alheira de Mirandela, queijo da Serra da Estrela, farinheira do Fundão, queijo de Azeitão e morcela da Guarda são apenas algumas opções que poderão ser harmonizadas como os melhores vinhos portugueses. Da garrafeira faz parte o Contemporal Selection DOC Alentejo Tinto, um vinho distinto, da autoria do conceituado enólogo Rui Reguinga, produzido a partir das castas Aragonez, Trincadeira e Alicante Bouschet na região de Portalegre. Num perfeito equilíbrio, os aromas de frutos vermelhos e as notas elegantes conferidas pelos 12 meses de estágio em barricas de carvalho francês tornam este vinho num excecional exemplo de elegância.

Seja porque o carnaval é tipicamente tempo de degustar um bom cozido à portuguesa, ou porque o tempo frio pede encontros com amigos em volta de uma tábua de queijos e enchidos, não faltam razões para visitar a Feira dos Queijos, Enchidos e Vinhos do Continente, onde se prova que afinal, o sabor das tradições continua a ser o protagonista dos nossos melhores momentos.

E aproveite para aprender a cortar queijos e a fazer uma tábua de queijos e enchidos no dia 15 de fevereiro, pelas 21h, em direto na página do Continente no Facebook.

  COMENTÁRIOS