"Frente, Verso, Inverso". Diferentes olhares sobre o mundo falado em português

A galeria da UCCLA, em Lisboa, recebe uma exposição de arte contemporânea dos países de língua portuguesa.

"Frente, Verso, Inverso" são diferentes formas de ver uma mesma realidade. A curadora Adelaide Ginga escolheu a expressão para título da exposição que inaugura esta terça-feira.

Na galeria da UCCLA - União das Cidades Capitais de Língua Portuguesa juntam-se obras de 54 artistas plásticos contemporâneos de Angola, Brasil, Cabo Verde, Guiné-Bissau, Moçambique, Portugal, São Tomé e Príncipe e Timor, todas escolhidas entre coleções que existem em Portugal.

São diferentes artistas, com diferentes origens, que têm em comum esta palavra: lusofonia. Um conceito que Adelaide Ginga admite que tem sido polémico, mas que considera importante.

A exposição "Frente, Verso, Inverso" pode ser visitada na galeria da UCCLA, em Lisboa, ao lado da Cordoaria Nacional, até 13 de novembro.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de