Cultura

Qual é o rosto do Porto? A Livraria Lello mostra

Para comemorar o 112º aniversário, a Livraria Lello, no Porto, decidiu homenagear as pessoas. Assim nasceu o projeto "O Rosto do Porto", que recria gente célebre e anónimos, em pequenos bustos.

A Livraria Lello, no Porto, vai acolher a instalação artística "O Rosto do Porto", que consiste em 400 bustos de figuras da cidade, a inaugurar este sábado, quando se assinala o 112.º aniversário do espaço.

Patente a partir das 10 horas deste sábado, "O Rosto do Porto" conta com quatro centenas de retratos feitos entre novembro de 2017 e os primeiros dias de 2018.

A instalação reflete um trabalho de centenas de 300 horas dedicadas à modelação dos bustos, realizada na própria Lello ou em vários estabelecimentos comerciais da cidade, como o Mercado do Bolhão.

Entre as figuras retratadas estão nomes como o autor Richard Zimler, o cineasta João Botelho, o arquiteto Siza Vieira e o encenador Nuno Carinhas, diretor artístico do Teatro Nacional São João, além do deputado do PS Alexandre Quintanilha e o médico e investigador Manuel Sobrinho Simões, diretor do Instituto de Patologia e Imunologia Molecular da Universidade do Porto (Ipatimup).

Entre os anónimos, destacam-se os artistas urbanos Hazul, Mr. Dheo e Godmess, cuja identidade é desconhecida, mas também outras personalidade da cidade, como "Manel do Laço, o Sr. Alcino Sousa, do Bolhão, e a D. Hermínia, da clássica Taberna de Santo António".

Segundo a administração da livraria portuense, composta por Aurora Pinto e José Manuel Lello, citada em comunicado, o projeto faz parte do esforço de celebração do património "material e imaterial" da Lello, através de um "recurso artístico que preserva para o futuro a memória das grandes figuras e personalidades de uma cidade".

Percorra a galeria de imagens acima clicando sobre as setas.