Português premiado em Cannes

O realizador Pedro Pinho venceu o Prémio FIPRESCI, da Federação Internacional de Críticos de Cinema, pelo filme 'A fábrica de nada', estreado na Quinzena de Realizadores, em Cannes.

'A Fábrica de Nada' teve a primeira exibição na Quinzena dos Realizadores, secção paralela do Festival de Cannes, na quinta-feira, e o anúncio foi feito hoje, pelo júri, presidido pela crítica Alissa Simon, da Variety norte-americana.

O filme, interpretado por atores e não atores, segue a vida de um grupo de operários que tentam segurar os postos de trabalho, através de uma solução de autogestão coletiva, e evitar, assim, o encerramento de uma fábrica.

O Júri FIPRESCI de Cannes atribui três prémios: dois na Selecção Oficial - um para a Competição e outro para Un Certain Regard - e um terceiro para a Semana da Crítica ou para a Quinzena dos Realizadores.

Pedro Pinho venceu o Prémio da Quinzena dos Realizadores.

Os prémios da competição oficial do Festival de Cannes serão conhecidos no domingo, no encerramento do festival.

Patrocinado

Apoio de

Patrocinado

Apoio de