Vhils é personalidade de 2015 para a imprensa estrangeira em Portugal

O artista Vhils foi "considerado o português que mais contribuiu durante este ano para levar o nome do país ao exterior". É com essa justificação que a Associação da Imprensa Estrangeira em Portugal atribui a distinção ao artista plástico.

"O artista vai receber o Prémio Martha de la Cal da Associação da Imprensa Estrangeira em Portugal por ter sido considerado o português que mais contribuiu durante este ano para levar o nome do país ao exterior", refere a entidade.

Vhils vai receber o vigésimo sexto Prémio Personalidade do Ano Martha de la Cal da Associação da Imprensa Estrangeira em Portugal.

Begonã Iñigez lê a mensagem que o artista plástico envio à Associação quando soube que ganhou o prémio

00:0000:00

O artista está neste momento em Hong Kong pelo que foi por SMS que reagiu ao prémio.

Transformar a paisagem urbana degradada num espaço de diálogo sobre a condição humana é o que marca os rostos escavados por Vhils - nome adotado por Alexandre Farto - nas paredes, em obras de arte que realizou não apenas em Lisboa, Porto e Aveiro, mas também em Nova Iorque, Moscovo, Londres, Los Angeles e Bogotá, entre outras cidades, refere a AIEP.

O percurso artístico começou em 1988, com apenas 11 anos, na região do Seixal, realizando grafites nas paredes e em comboios. Tecnicamente, o grande salto ocorreu em 2011, quando desenvolveu a técnica de baixos-relevos que o tornou conhecido.

Criado em 1990, o galardão atribuído a Vihls reconhece o mérito de pessoas ou instituições que mais fizeram pelo nome do país no estrangeiro.

A escolha é realizada através de votação pelos cerca de 60 membros da associação, jornalistas acreditados em Portugal que trabalham para meios de comunicação estrangeiros.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de