"Já joguei em clubes mais pequenos e a motivação é sempre diferente"

Os capitães do FC Porto (Herrera) e Desportivo das Aves (Nélson Lenho) fizeram a antevisão do jogo da Supertaça Cândido de Oliveira, em entrevista ao canal da Federação Portuguesa de Futebol (FPF).

A Federação Portuguesa de Futebol (FPF), organizadora da Supertaça Cândido de Oliveira, divulgou um vídeo na sua página oficial, onde mostra os dois capitães, das equipas que vão disputar o troféu, a antever o encontro.

O capitão dos dragões, o médio mexicano Héctor Herrera, mostrou-se motivado para começar a época a ganhar títulos e diz que a conquista da edição 2018/19 Liga Portuguesa, é algo que já pertence ao passado.

"O título deu-nos a possibilidade de chegar à Supertaça. Não há melhor motivação para começar a época do que poder ganhar a Supertaça e começar o ano a ganhar títulos. Fiquei muito feliz com o campeonato e desfrutei muito, mas a festa do título já pertence ao passado. De nada vale continuarmos a recordar o feito de sermos campeões, se deixarmos de fazer aquilo que nos levou à conquista do campeonato", salientou Herrera, que deixou ainda elogios aos avenses.

"Um ponto forte do Aves é a forma como a equipa defende, a forma como estão comprometidos. Já joguei em clubes mais pequenos, ou mesmo na seleção quando jogo contra equipas mais fortes, e a motivação é sempre diferente. É claramente o que vai acontecer nesta Supertaça. Pessoalmente, não me considero favorito. É normal que a imprensa e as pessoas pensem dessa forma, mas não me sinto favorito, principalmente, depois da vitória do Aves frente ao Sporting na final da Taça de Portugal", relembrou.

"Quero estar a 100% na Supertaça e conquistá-la. Para isso não deves dizer que és o melhor, mas mostrar que és o melhor. É isso que temos que fazer para ganhar este título. É uma final muito importante para começar a época da melhor forma e, sobretudo, com um título conquistado. Afinal de contas, trabalhamos para conquistar títulos", concluiu.

O capitão da equipa de Vila das Aves, o lateral português Nélson Lenho, manifestou alguma surpresa por a sua equipa poder disputar este troféu, que é inédito para o Aves, mas afirma que querem vencer.

"É algo que o Aves se calhar não sonhava, nós próprios não acreditávamos nisso, mas o que é verdade é que estamos a lutar por esse troféu. Temos consciência que na época passada acabámos de uma forma fantástica. Foi o momento mais alto das nossas carreiras, mas claro que tudo passa e, agora, vamos começar uma nova época a disputar a Supertaça. Toda a gente queria estar no nosso lugar a lutar com o FC Porto, mas felizmente somos nós e ainda bem. É uma festa para nós, é uma festa para os adeptos mais uma vez: merecem por todo o apoio que nos deram e, para eles, é um motivo de orgulho nesta equipa", admitiu.

O lateral destaca que a maior qualidade dos azuis e brancos é a "entrega e a alma do FC Porto, que deve-se muito ao seu treinador (Sérgio Conceição).

"O FC Porto está na Supertaça com todo o mérito, foi campeão, porque foi a melhor equipa ao longo do campeonato. Não podemos esconder que gostaríamos de ganhar, como é óbvio, e vamos lutar por isso. Temos a consciência que o FC Porto é mais forte, porque o nome assim o diz, mas nós também temos as nossas armas e vamos lutar; são onze contra onze e numa final tudo é possível", finalizou.

A partida está agendada para dia 4 de agosto (sábado), às 20h45, no Estádio Municipal de Aveiro, e vai pôr frente a frente o campeão nacional FC Porto e o vencedor da Taça de Portugal Desportivo das Aves.

Recomendadas

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de