Marrocos-Portugal considerado de "risco muito elevado" no Catar

São esperados 10.000 marroquinos sem bilhete nas imediações do estádio Al Thumama.

PorLusa
© Martin Divisek/EPA

O jogo Marrocos-Portugal, do Mundial2022 de futebol, é considerado de "risco muito elevado" pelas autoridades do Qatar, pela presença de 10.000 adeptos marroquinos sem bilhete que vão ficar nas imediações do estádio, revelou esta sexta-feira a PSP à agência Lusa.

O superintendente João Carlos Ribeiro, que lidera a delegação policial portuguesa que se encontra naquele país desde o início da competição, a prestar apoio às autoridades locais, informou que "são esperados menos de 1.000 adeptos portugueses" no estádio Al Thumama, em contraste com a enorme falange de apoio marroquina.

"Foram vendidos mais de 20.000 bilhetes a adeptos marroquinos, sendo que, depois, a FIFA disponibilizou mais 5.000. Por outro lado, são esperados outros 10.000 adeptos marroquinos que se vão deslocar ao Qatar sem bilhete", informou à Lusa.

Estes 10.000 marroquinos ficarão no exterior do recinto, numa zona delimitada pela autoridades, de forma a evitar uma tentativa de invasão como a que ocorreu no Marrocos-Espanha, dos oitavos de final, na terça-feira.

"Este jogo está a ser considerado de risco muito elevado pelas autoridades. Aliás, em 36 anos de carreira, nunca vi um dispositivo policial com a dimensão do que está a ser preparado. Vão ser mobilizados vários milhares de efetivos", confessou.

Desta forma, o diretor do Departamento de Informações Policiais da PSP aconselha os adeptos portugueses devidamente identificados com as cores nacionais a chegarem ao estádio "três horas antes do início do encontro", considerando que "quanto mais cedo, mais segura será a chegada", até porque "já houve incidentes com adeptos portugueses".

"As pessoas que se vão deslocar por metro ou 'shuttle', depois ainda terão de andar cerca de 1,6 quilómetros a pé até ao estádio, portanto é aconselhável que se desloquem em grupos. Quem se deslocar de forma isolada, que o faça por táxi ou Uber", alertou.

Portugal e Marrocos vão defrontar-se nos quartos de final do Mundial2022, no sábado, a partir das 18:00 locais (15:00 em Lisboa), no Estádio Al Thumama, em Doha, num encontro que será dirigido pelo árbitro argentino Facundo Tello.

Relacionados

Veja Também

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG