Antigo internacional italiano Paolo Maldini infetado

O filho do antigo defesa também está infetado.

O antigo futebolista internacional italiano Paolo Maldini, atual diretor técnico do AC Milan, acusou positivo no teste de rastreio ao novo coronavírus, informou hoje o clube milanês através do seu sítio oficial.

Em comunicado, o emblema 'rossonero' adianta que o ex-defesa e 'capitão', de 51 anos, "esteve em contacto com uma pessoa que tinha acusado positivo para o novo coronavírus e começou ele próprio a revelar sintomas da doença [covid-19]".

De acordo com o AC Milan, o teste de rastreio que Paolo Madini realizou na sexta-feira "acusou positivo", tal como sucedeu com o filho, Daniel, jovem avançado de 18 anos, que alinha na equipa de juniores dos milaneses e que em fevereiro se estreou pela formação principal.

"Paolo e Daniel estão ambos bem e já completaram duas semanas de isolamento domiciliário, sem contacto com outras pessoas", refere o AC Milan, revelando que ambos "vão manter-se em quarentena até estarem clinicamente recuperados".

Paolo Maldini jogou pelo AC Milan durante 24 anos, tornando-se uma das maiores lendas da história do clube, pelo qual disputou mais de 900 partidas e marcou 33 golos. Foi ainda internacional pela Itália, somando 126 internacionalizações e sete golos.

O novo coronavírus, responsável pela pandemia da covid-19, já infetou mais de 271 mil pessoas em todo o mundo, das quais pelo menos 12.000 morreram.

Depois de surgir na China, em dezembro, o surto espalhou-se por todo o mundo, o que levou a Organização Mundial da Saúde (OMS) a declarar uma situação de pandemia.

O continente europeu é aquele onde está a surgir atualmente o maior número de casos, com a Itália a ser o país do mundo com maior número de vítimas mortais, com 4.825 mortos (mais 793 do que na sexta-feira) em 53.578 casos (mais 6.557, um recorde em 24 horas). Segundo as autoridades italianas, 6.062 dos infetados já estão curados.

Vários países adotaram medidas excecionais, incluindo o regime de quarentena e o encerramento de fronteiras.

Outras Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de