Críticas a Soares Dias valem queixa da APAF contra Benfica, Jesus e dois jogadores

Águias acusam árbitro do clássico de "dualidade de critérios" durante o clássico.

A Associação Portuguesa de Árbitros de Futebol (APAF) vai apresentar uma queixa contra o Benfica, o treinador Jorge Jesus e os jogadores Otamendi e Grimaldo ao Conselho de Disciplina da Federação Portuguesa de Futebol.

Ao que a TSF apurou, a APAF considera que foi posta em causa a honra de Artur Soares Dias após as críticas do clube da Luz à atuação da equipa de arbitragem durante o Benfica-FC Porto desta quinta-feira, que acabou empatado 1-1.

Ao final da manhã, no site do clube, o Benfica escreveu que Artur Soares Dias deve "inibir-se do encargo" de arbitrar jogos do FC Porto e acusou o árbitro de ter agido com "dualidade de critérios" no jogo da Luz.

As águias apontam "um segundo amarelo perdoado aos 80 minutos a Pepe, seguido de uma anulação de uma jogada de golo", que dizem ter sido uma "dupla penalização".

Na mesma publicação, o Benfica deseja ao árbitro "as maiores felicidades no Campeonato da Europa", antes de atirar: "Se não consegue ser imparcial e se sente condicionado a apitar jogos do Benfica diante do FC Porto, à imagem do que aconteceu ontem e no passado, iniba-se desse encargo."

Além do clube, também o treinador Jorge Jesus, e os jogadores Grimaldo e Otamendi, nas redes sociais, deixaram críticas ao árbitro.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de