Atlético de Madrid soma terceiro empate e Félix lesiona-se frente ao Valência

O resultado deixa o Atlético no quarto lugar.

O Atlético de Madrid cedeu este sábado um empate a uma bola na receção ao Valência, na nona jornada da Liga espanhola de futebol, a terceira igualdade consecutiva para a equipa de João Félix, ultrapassada no terceiro lugar.

Com o avançado português no onze, foi Diego Costa, de penálti aos 36 minutos, a abrir o marcador para os colchoneros, antes de Dani Parejo empatar, aos 82, e impor o terceiro empate seguido no campeonato à equipa da capital.

O resultado deixa o Atlético no quarto lugar, com 16 pontos, agora atrás do Granada, que venceu na sexta-feira o Osasuna, com um golo de Domingos Duarte, e que é terceira, com 17. Do lado do clube che, o empate vale o 13.º ponto na campanha e, para já, o sexto lugar da tabela, num encontro em que Gonçalo Guedes esteve de fora, lesionado, e Thierry Correia foi suplente não utilizado.

A partida no Wanda Metropolitano seguiu a toada dos últimos encontros do Atlético, que mostrou dificuldades em criar oportunidades de golo, e só uma mão do russo Cheryshev mudou o destino, aos 36, dando a grande penalidade convertida por Diego Costa.

Ainda assim, os forasteiros não se renderam e foi mesmo o capitão Parejo a marcar, num livre direto bem executado, sem hipóteses para Oblak, e a equipa resistiu mesmo depois da expulsão de Kangin, já aos 90+1.

"O médico disse-me que [a lesão de João Félix] se tratava de algo grave"

No final do jogo, Diego Simeone falou sobre a sitação clínica de João Félix e revelou que o internacional português pode vir a falhar os próximos jogos do clube.

"Não falei com ele, mas pensei que não fosse algo sério. Só que depois o médico disse-me que se tratava de algo grave. Esperamos que ele possa estar disponível em breve", explicou o treinador do Atlético de Madrid.

Outras Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de