"Sinto-me feliz." Canoísta Fernando Pimenta vice-campeão da Europa em K1 1000

Atleta do Benfica ainda não falhou um pódio no atual ciclo olímpico em K1 1000 e 5000, entre Europeus, mundiais e taças do mundo.

O canoísta olímpico português Fernando Pimenta sagrou-se este sábado vice-campeão da Europa em K1 1000, em Poznan, na Polónia, somando o seu 103.º pódio internacional.

Na pista quatro, ao lado do húngaro Balint Kopasz, um dos seus maiores rivais às medalhas nos Jogos Olímpicos Tóquio2020, o limiano concluiu a regata em 3.42,667 minutos, a 1,435 segundos do magiar, com quem discutiu a liderança toda a prova.

O pódio ficou completo com o belga Artuur Peters, a 3,135 segundos.

Antes mesmo de subir ao pódio, Fernando Pimenta falou com a TSF e confessou o orgulho, em mais um momento de alegria.

"Sinto-me feliz por conseguir ter feito uma boa prova, apesar de ter sentido que nem é a minha melhor versão e isso é bom sinal porque ainda há aspetos a melhorar. Se visse que já estava na minha melhor versão podia estar um pouco preocupado, mas foi uma boa prova, em que eu e o atleta da Hungria viemos a fazer um mano a mano desde o início da prova e foi, sem dúvida, gratificante poder conquista uma medalha numa distância olímpica, que é o K1000 metros. É uma prova de eleição, a prova rainha da canoagem, e consegui mais um pódio, o número 103 da minha carreira internacional - fora as competições nacionais", explicou Fernando Pimenta.

O atleta do Benfica, de 31 anos, ainda não falhou um pódio no atual ciclo olímpico em K1 1000 e 5000, entre Europeus, mundiais e taças do mundo.

Em Europeus, Fernando Pimenta foi campeão em 2016, 2017 e 2018, sendo bronze em 2011 e 2015. Quanto à seleção portuguesa, na sexta-feira, João Ribeiro sagrou-se vice-campeão da Europa em K1 500, enquanto Norberto Mourão conquistou inédito ouro na canoagem adaptada, em VL2.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de