Cavaleira Luciana Diniz apurada para a final de saltos de obstáculos

A luso-brasileira, de 50 anos, gastou 85,62 segundos para cumprir o conjunto de obstáculos, sem penalizações.

A cavaleira portuguesa Luciana Diniz apurou-se esta terça-feira para a final do concurso de saltos dos Jogos Olímpicos Tóquio 2020, avançando para a prova que vai reunir os 30 mais fortes na quarta-feira.

Montando Vertigo du Desert, a luso-brasileira, de 50 anos, gastou 85,62 segundos para cumprir o conjunto de obstáculos, sem penalizações.

O melhor registo pertenceu ao britânico Ben Maher, que levou 81,34 segundos a concluir a sua prestação.

Luciana Diniz foi 38.ª em Atenas 2004, representando o Brasil, sendo, posteriormente, sob as cores de Portugal, 17.ª, ex-aequo, em Londres 2012, e nona no Rio 2016.

A final, com os 30 melhores, está marcada para quarta-feira, às 19h00 locais (11h00 em Lisboa).

MAIS SOBRE TÓQUIO 2020

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de