"Chegou a hora de sair", escreveram na casa de Pinto da Costa

A residência de Pinto da Costa foi pintada com frases contra a sua presidência. "No dia que abandonar, quem voltar os seus bolsos do avesso só encontrará pó?", questionam os autores.

Os muros da casa de Jorge Nuno Pinto da Costa, presidente do FC Porto, foram pintados com frases de insatisfação. "Pede a demissão", exige o autor cuja identidade é desconhecida.

"Presidente, no dia em que abandonar o poder, quem voltar os seus bolsos do avesso só encontrará pó? Acorda Porto", pode ler-se numa outra mensagem. As outras dizem: "Chegou a hora de sair, pede a demissão" e "Ninguém calará a nossa expressão".

A insatisfação, que ganhou a forma de letras nos muros de casa do presidente portista, surge depois de mais uma época sem títulos. É a quarta. Pinto da Costa ainda não reagiu.

Patrocinado

Apoio de

Patrocinado

Apoio de