"Clube sem rumo e sem liderança." Juve Leo arrasa direção de Varandas

Um dia depois de o Sporting ter anunciado a suspensão do apoio às claques, a Juventude Leonina emitiu um comunicado em que acusa a atual direção do clube de "incompetência".

A Juventude Leonina emitiu um comunicado onde critica a direção do Sporting, um dia depois de o protocolo estabelecido com entre a claque e o clube ter sido suspenso. Em guerra aberta contra Frederico Varandas, os membros da claque, fundada em 1976, consideram que Sporting está "sem rumo" e "sem liderança", e que a resolução do protocolo estabelecido em junho resulta "da incompetência".

Num extenso comunicado, publicado nas redes sociais, a Associação Juventude Leonina sublinha que não tem "o dever de apoiar as direções", apenas "todas as equipas do Sporting".

A claque faz várias críticas às opções tomadas pela atual direção do clube leonino, como a falta de planeamento da atual época, apontando os erros e as transferências de alguns jogadores, como por exemplo Raphinha, que foi vendido ao Rennes no último dia de mercado.

A Juventude Leonina queixa-se de não ter sido ainda notificada da decisão "unilateral" da administração do clube, questionando se essa suspensão é lícita. "A resolução para operar os seus efeitos conforme consta do protocolo assinado pelas partes deve ser comunicada por escrito, por carta registada c/ aviso de receção ou por correio eletrónico, pelo que, até por razões de forma se reveste insuficiente a presente comunicação de término", lê-se na nota da Juventude Leonina.

Patrocinado

Apoio de

Patrocinado

Apoio de

Outros Artigos Recomendados