Comitiva do Sporting de Braga atacada após jogo em Paços de Ferreira

A TSF sabe que o Sporting de Braga apresentou queixa à GNR, que acompanhava a comitiva.

A comitiva do Sporting de Braga foi atacada após o jogo de sexta-feira, em Paços de Ferreira, da 31.ª jornada da I Liga de futebol, divulgou este sábado o clube minhoto. A TSF sabe que o Sporting de Braga apresentou queixa à GNR, que acompanhava a comitiva.

"Apesar da escolta de batedores da GNR, as viaturas onde seguiam a equipa e os responsáveis do clube foram apedrejadas na autoestrada A7, já próximo da saída para Guimarães sul", pode ler-se numa nota no sítio oficial dos bracarenses.

Segundo a mesma fonte, a comitiva, que incluía o autocarro, a viatura do presidente [António Salvador] e um veículo do apoio, "foi surpreendida com o arremesso de pedras de grandes dimensões, atiradas a partir da berma e que, por mera felicidade, não resultaram em ferimentos (...) que poderiam revestir-se de enorme gravidade".

"O futebol não pode ser um veículo de ódios tão primários, mas cabe às forças da autoridade a tomada de ações imediatas, evitando a todo o custo que chegue o dia em que lamentemos consequências mais dramáticas", avisa o clube 'arsenalista', adiantando já ter apresentado queixa policial.

O Sporting de Braga goleou o Paços de Ferreira por 5-1 e manteve a quarta posição da I Liga, com 56 pontos, a três do Sporting, terceiro classificado.

Outras Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de