Vinícius e Courtois resolvem em Paris. Real Madrid é o novo campeão europeu

O internacional brasileiro Vinícius marcou o único golo da final da Liga dos Campeões. Veja o lance.

O Real Madrid é o novo campeão europeu. Os merengues bateram o Liverpool na final da Liga dos Campeões, realizada no Stade de France, em Paris, por 1-0. O único golo do jogo foi apontado aos 59 minutos pelo internacional brasileiro, Vinícius Júnior.

Pela terceira vez, Liverpool e Real Madrid voltaram a encontrar-se na final da Liga dos Campeões. Com milhares de adeptos dentro e fora do Stade de France, em Paris, palco do jogo, o início da partida ficou manchado por falhas de segurança.

Vários adeptos saltaram as barreiras e conseguiram entrar no perímetro do recinto, agredindo também vários agentes de segurança, o que obrigou a UEFA a atrasar o apito inicial em 36 minutos.

Num duelo de titãs, o treinador do Liverpool, Jurgen Klopp, reservou uma surpresa no onze inicial, dando a titularidade a Luis Díaz, que chegou em dezembro à formação do norte de Inglaterra, proveniente do FC Porto.

Já do lado dos merengues, Ancelotti manteve o seu onze "base", com o principal destaque para Karim Benzema, o melhor marcador da prova.

Com os adeptos em delírio nas bancadas, o encontro começou com o Liverpool a explorar os espaços interiores. Nos minutos iniciais, os Reds criaram algum perigo junto à área madrilena. Em duas ocasiões, o "gigante" Courtois teve que se aplicar entre os postes perante os remates de Salah e Mané. O lance do senegalês acabou ainda por embater no poste.

Depois da pressão inicial, o Real Madrid colocou "gelo" no jogo, gerindo a posse. Os homens de Ancelotti não pressionaram o adversário e ensaiaram o jogo direto para Vinicius e Benzema.

Em cima do intervalo, Benzema recebeu a bola na área e, depois de vários ressaltos, a bola sobrou novamente para o avançado francês, que a introduziu no fundo da baliza de Allison. O lance deixou, no entanto, muitas dúvidas à equipa de arbitragem, sobretudo ao videoárbitro, que só tomou uma decisão cinco minutos depois.

Na segunda parte, ambas as equipas arriscaram mais e, aos 60 minutos, o Real Madrid abriu o marcador. No flanco direito, Valverde teve espaço e colocou a bola ao segundo poste, onde apareceu o brasileiro Vinícius Júnior, que só teve de encostar.

Com vantagem no marcador, o Real Madrid tentou gerir a vantagem e o Liverpool partiu para a frente. Os homens de Klopp tentaram ultrapassar a barreira defensiva merengue, mas não conseguiram penetrar pelo gigante Courtois, que defendeu tudo o que havia para defender.

Onze do Liverpool: Alisson; Alexander-Arnold, Konaté, Van Dijk, Robertson; Henderson, Fabinho, Thiago; Salah, Sadio Mané, Luis Díaz.

Onze do Real Madrid: Courtois; Carvajal, Militao, Alaba, Mendy; Kroos, Casemiro, Modric, Fede Valverde; Benzema, Vinícius ​​​​​​.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de