Danny Drinkwater exagerou no álcool e foi apanhado

O médio do Chelsea foi detido durante algumas horas e saiu depois de pagar uma fiança, no mesmo dia em que o clube venceu o dérbi frente ao West Ham.

Foram apenas ferimentos ligeiros, uma detenção de horas, com pagamento de fiança, e uma advertência para comparecer no Tribunal de Magistrados de Stockport as penalizações por Danny Drinkwater não fazer justiça ao seu nome.

Segundo o jornal britânico The Sun , a polícia de Mere, em Cheshire, o médio do Chelsea foi processado por conduzir alcoolizado e terá de responder pela acusação em tribunal a 13 de maio. "Danny Drinkwater foi detido pouco depois das 12h30 desta segunda-feira, depois da colisão na Ashlei Road, em Mere", referiram as autoridades. Se for condenado, o jogador pode enfrentar uma pena máxima de seis meses.

O médio dos Blues conduzia embriagado, depois de sair de uma festa às 10h30, com uma advogada de 34 anos, Beth Mantel. O seu Range Rover embateu no Skoda onde seguia a condutora Emma Brown, de 30 anos. Nenhum dos três envolvidos no acidente ficaram feridos com gravidade.

Mais tarde no mesmo dia, o Chelsea defrontaria, em casa, o West Ham, jogo que os Blues venceram por 2-0 com um bis de Hazard. Drinkwater não foi convocado por não contar para Sarri.

Danny Drinkwater foi transferido do Leicester City na época de 2017/18 e custou 40 milhões de euros ao emblema de Stamford Bridge. Resta saber se a quantia vai por água abaixo. Drinkwater não joga desde agosto de 2018.

Patrocinado

Apoio de

Patrocinado

Apoio de

Outros Artigos Recomendados