Declarações de Conceição sobre Taremi e arbitragem motivam participação

Técnico colocou em causa a competência da equipa de arbitragem que atuou no FC Porto-Paços de Ferreira.

A Associação Portuguesa de Árbitros de Futebol vai avançar com uma participação contra o treinador do FC Porto, Sérgio Conceição.

Em causa estão as declarações do técnico, esta sexta-feira, sobre a equipa de arbitragem, liderada por Manuel Mota, e o videoárbitro, Tiago Martins, do último jogo dos dragões para a Primeira Liga, contra o Paços de Ferreira, que levaram também o treinador a defender Mehdi Taremi.

"É um jogador super honesto, com a profissão, com os colegas, com os adversários, com os árbitros. Acho que em todos os jogos pede desculpas aos adversários e aos árbitros. É um jogador extremamente honesto", garantiu o técnico.

"A imagem que criaram dele é de má-fé. Mas pior do que isso é ir toda a gente atrás, como alguns animais", disse, criticando ainda algumas decisões da arbitragem, nomeadamente numa situação com Taremi no jogo do campeonato com os pacenses e que culminou na expulsão do iraniano.

"O árbitro pode até ser induzido em erro, pela visão que tem naquele momento, ter algumas dúvidas e não assinalar grande penalidade. Sente-se confortável porque tem câmaras e gente para alertar, numa situação que é penálti claríssimo. Não compreendo. Das duas uma, ou realmente não tem competência, ou precisa de ir ao oculista. Aquilo é um lance claro, como já aconteceu noutros lances", criticou.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de