Shakhtar carimba quarto jogo consecutivo do Benfica sem vencer

As águias perderam com a equipa ucraniana no arranque dos 16 avos da Liga Europa. Veja os golos.

O Benfica perdeu esta quinta-feira em Kharkiv, com os ucranianos do Shakhtar Donetsk, por 2-1, em jogo da primeira mão dos 16 avos de final da Liga Europa. Depois de um nulo ao intervalo, os ucranianos entraram melhor na segunda parte e adiantaram-se aos 56 minutos, através de Alan Patrick, o Benfica ainda igualou aos 66, por intermédio de Pizzi, na conversão de uma grande penalidade, mas o Shakhtar assegurou o triunfo aos 72, com um golo de Kovalenko.

A segunda mão está agendada para a próxima quinta-feira, dia 27, no estádio da Luz, em Lisboa.

Já rola a bola na Ucrânia. Pontapé de saída para o Shakhtar! O Benfica aproximou-se pela primeira vez da grande área dos ucranianos aos 6 minutos, com um cruzamento de Chiquinho que resultou num canto que, por sua vez, não causou qualquer perigo. Aos 9 minutos, Taarabt cai perto da grande área da equipa da casa. É falta para cartão amarelo, uma vez que foi interrompida uma jogada de grande perigo para a baliza do Shakhtar, mas o Bobby Madden nada mostra.

Aos 12 minutos, Cervi faz falta sobre Bolbat, que fica bastante queixoso. É livre lateral favorável à equipa do Shakhtar Donetsk. Numa jogada na sequência desta bola parada, aparece o remate dos ucranianos, que sai muito por cima da baliza de Vlachodimos.

Uma perda de bola do Benfica no meio campo do Shakhtar, aos 20 minutos, deu origem a um golo de Marlos, que acabou por ser anulado pouco depois, por estar em fora de jogo. Falso alarme em Kharkiv! Aos 24 minutos, as águias voltam a apanhar outro susto com um Kovalenko. Valeu, mais uma vez, Vlachodimos.

Quatro minutos depois deste último lance de perigo para os ucranianos, Chiquinho queixa-se de dores no relvado, depois de um lance dividido com Moraes. O jogador do Benfica tem mesmo de abandonar o relvado para ser assistido. O Shakhtar não deixa o Benfica ter posse de bola. Cheira a golo da equipa da casa e as águias estão momentaneamente reduzidas a 10 jogadores!

Aos 31 minutos, depois de voltar a entrar em campo, Chiquinho volta a ficar caído no relvado, na grande área do Shakhtar Donetsk. O árbitro diz que é falta do jogador português. Treze minutos depois, Pizzi fez um remate que saiu perto do poste direito da baliza de Pyatov.

O árbitro Bobby Madden dá dois minutos de compensação antes do intervalo. Termina a primeira parte do jogo na Ucrânia!

Recomeça a partida na Ucrânia! O Benfica dá o pontapé de saída nesta segunda parte. Logo neste primeiro minuto, Júnior Moraes esteve perto de inaugurar o marcador! Valeu ao Benfica mais uma defesa salvadora de Vlachodimos, que começa a ser uma das figuras deste jogo. O Benfica está com uma postura de expectativa, o que obriga os ucranianos a tomar a iniciativa.

Aos 50 minutos, o Shakhtar Donetsk atira ao poste! Tomás Tavares abre caminho a um ataque de Ismaily. O remate do brasileiro atinge o poste esquerdo do Benfica, com Vlachodimos já batido. Ferro consegue atirar a bola para longe. Muita sorte para as águias neste lance de pânico na grande área. Os ucranianos não estão a fazer um jogo rápido, mas também não precisam. O Benfica está a defender muito mal.

Seis minutos depois deste último susto, o Benfica sofre o primeiro golo. Taison abre caminho pela esquerda, serve Marlos que amortece para Alan Patrick. Este, de fora da área e num remate colocado, fatura. Acontece aquilo que já há muito parecia inevitável: o golo do Shakhtar Donetsk.

O Benfica, que estava muito lento e previsível, acordou aos 62 minutos e marcou, por intermédio de Tomás Tavares. O lance está a ser analisado pelo VAR. O golo acabou por ser anulado, mas o árbitro assinalou penálti e Pizzi, chamado a converter, não desperdiçou. Um golo quase caído do céu para as águias!

Alteração na equipa de Bruno Lage. Entra Vinícius, sai Seferovic. Aos 72 minutos, novo golo do Shakhtar Donetsk. Marca Kovalenko na sequência de um erro infantil de Rúben Dias. O central do Benfica perdeu a bola na pressão de Taison. Este mete em Júnior Moraes que, num cruzamento atrasado, encontra Kovalenko, que não perdoa.

Nova mexida na equipa do Benfica. Rafa entra para o lugar de Chiquinho. Alteração também no Shakhtar Donetsk. Entra Marcos Antônio e sai Alan Patrick. O Benfica está a reagir nesta reta final da partida, enquanto os ucranianos parecem estar a quebrar.

Aos 81 minutos, Cervi cruza para a grande área do Shakhtar mas ninguém chega para desviar. É canto para o Benfica. Mais uma alteração na equipa ucraniana. Entra Konoplyanka e sai Marlos. O árbitro dá 5 minutos para lá dos 90.

No segundo minuto de compensação, Lage substitui o capitão Pizzi por Samaris. Ainda antes do jogo terminar, alteração também no Shakhtar. Entra Tetê, sai Taison. Florentino vê cartão amarelo por travar um lance de contra-ataque da equipa ucraniana.

Onze do Shakhtar: Pyatov, Bolbat, Kryvtsov, Matviyenko, Ismaily, Alan Patrick, Stepanenko, Taison, Marlos, Kovalenko e Júnior Moraes

Onze do Benfica: Vlachodimos, Tomás Tavares, Rúben Dias, Ferro, Grimaldo, Florentino, Taarabt, Pizzi, Cervi, Chiquinho e Seferovic

Suplentes do Shakhtar: Shevchenko, Marcos Antônio, Tetê, Konoplyanka, Maycon, Sikan e Bondar

Suplentes do Benfica: Zlobin, Dyego Sousa, Samaris, Rafa Silva, Nuno Tavares, Jota e Carlos Vinícius

Outras Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de