Sporting sem alma vence Rosenborg por 1-0

Leões isolam-se no segundo lugar do Grupo D da Liga Europa.

O Sporting isolou-se esta quinta-feira no segundo lugar do Grupo D da Liga Europa em futebol, ao vencer por 1-0 na receção aos noruegueses do Rosenborg, em encontro da terceira jornada.

Com muito pouca gente em Alvalade e sem a zona das claques com as habituais tarjas e bandeiras, o Sporting esteve perto de marcar aos nove minutos, através de um cabeceamento de Luiz Phellype. Foi o primeiro momento de perigo do jogo.

Seis minutos depois, os leões voltam a estar perto do golo, que ainda se gritou em Alvalade. Bruno Fernandes acertou no ferro ao bater um livre quase em posição frontal à baliza do Rosenborg. Aos 18 minutos, Vietto obrigou o guarda-redes André Hansen a uma defesa monumental para evitar que a equipa verde e branca inaugurasse o marcador.

O Rosenborg criou a primeira situação de perigo aos 23 minutos. Meling lançou Adegbenro pela esquerda e este cruzou atrasado para Akintola, que não acertou bem na bola e acabou por fazer um remate fraco para defesa de Renan.

Um atraso muito mau efetuado por parte da defensiva do Rosenborg quando deu em golo de Vietto. Valeu-lhes a defesa, sem grandes dificuldades, de André Hansen.

Aos 31 minutos foi a vez do Sporting tremer por todos os lados. Mike Jensen centrou para o interior da área, Coates cortou a bola contra Doumbia e a bola bateu na barra. O Rosenborg esteve perto do golo num lance caricato.

Perto do intervalo, os assobios tornaram-se cada vez mais audíveis em Alvalade. Os adeptos fizeram questão de demonstrar o seu descontentamento com a má exibição da equipa comandada por Silas.

Depois de uma primeira parte muito fraca por parte do Sporting, a equipa acelerou o jogo no início da segunda parte. Nos primeiros quatro minutos do segundo tempo, Wendel ganhou a bola no miolo e serviu Bruno Fernandes. O capitão rematou à meia-volta, mas a bola saiu ao lado da baliza de Hansen.

Aos 54 minutos, Bruno Fernandes tentou ter melhor sorte na conversão de um livre direto, mas a bola saiu por cima da baliza norueguesa. Sete minutos depois houve mais um lance perigoso da equipa norueguesa na área dos leões. Akintola ganhou a bola a Mathieu mas, com todo o espaço para servir Soderlund, centrou contra Coates.

Mathieu cobrou bem um livre, aos 68 minutos, e ainda levantou centenas de adeptos das bancadas, apesar de a bola ter passado ao lado da baliza do Rosenborg. Dois minutos depois, o Sporting inaugurou o marcador com um golo de Bolasie. Foi o primeiro tento do congolês de 30 anos com a camisola dos leões.

Soderlund, aos 78 minutos, recebeu a bola de um cruzamento milimétrico mas, cara a cara com o guarda-redes do Sporting, não acertou na bola. O Rosenborg perdeu assim uma boa oportunidade de igualar o marcador.

No último lance do jogo houve mais uma oportunidade para o Rosenborg. Konradsen rematou para defesa de Renan a dois tempos. Uma vitória sofrida da equipa verde e branca em casa.

Onze do Sporting: Renan, Rosier, Coates, Mathieu, Acuña, Doumbia, Wendel, Bruno Fernandes, Vietto, Bolasie e Luiz Phellype.

Onze do Rosenborg: André Hansen, Hedenstad, Reginiussen, Hovland, Meling, Lundemo, Asen, Jensen, Akintola, Adegbenro e Soderlund.

O belga Lawrence Visser será o árbitro da partida, assistido pelos compatriotas Thibaud Nijssen e Jo de Weirdt. O 4º árbitro é Bram Van Driessche.

Suplentes do Sporting: Luís Maximiano, Ilori, Borja, Eduardo, Miguel Luís, Jesé e Pedro Mendes.

Suplentes do Rosenborg: Ostbo, Konradsen, Helland, Trondsen, Valsvik, Johnsen e Ceide.

Patrocinado

Apoio de

Patrocinado

Apoio de

Outros Artigos Recomendados