FC Porto vence fora Rio Ave e continua colado ao Benfica

Dragões estão no segundo lugar da I Liga de futebol, após difícil triunfo, por 1-0, na visita ao Rio Ave.

O FC Porto somou este domingo o sexto triunfo seguido na I Liga portuguesa de futebol, ao vencer por 1-0 no terreno do Rio Ave, mantendo-se a par do Benfica na perseguição ao líder Famalicão.

A primeira grande ocasião de golo da partida surgiu logo no segundo minuto, por parte dos dragões, com Marega a isolar-se mas a permitir, na cara de Kieszek, a defesa ao guarda-redes polaco.

Dez minutos depois houve o único golo deste encontro da sétima jornada, com assinatura do mesmo protagonista do lance anterior: Marega. O francês marcou de cabeça na sequência de um pontapé de canto, inaugurou o marcador a favor do FC Porto e garantiu o triunfo aos dragões. Desta vez não deu qualquer hipótese ao guarda-redes Kieszek.

Na segunda parte do jogo, o Rio Ave, que em casa tem registo de uma vitória, um empate e uma derrota, viu um golo ser anulado a Mehdi Taremi por estar 64 centímetros fora de jogo. Com os dragões encostados às cordas nos últimos minutos da partida, os vilacondenses ainda procuraram o golo do empate, mas sem sucesso.

O FC Porto chegou a Vila do Conde pressionado pelas vitórias de Benfica e Famalicão no sábado. Agora, com 18 pontos, mantém-se em igualdade com os campeões nacionais, que receberam e venceram o Vitória de Setúbal (1-0), e ambos seguem a um ponto do Famalicão, que derrotou em casa o Belenenses SAD (3-1).

O Rio Ave, quarto à entrada da ronda sete, caiu para o sétimo posto, com 10 pontos, perdendo posições para Vitória de Guimarães (12), Boavista (11) e Santa Clara (11).

Reações dos treinadores

No final do jogo, o treinador portista Sérgio Conceição disse que a equipa foi eficaz.

"Depende de como as pessoas querem ver o jogo. Se calhar uma equipa que cria seis ou sete ocasiões e não sofra nenhuma oportunidade clara do adversário é espetacular para alguns. Para outros será outro espetáculo noutro momento do jogo", explicou Sérgio Conceição.

Conceição falou também da equipa sensação da prova, o líder Famalicão. O técnico azul e branco lembrou que o campeonato é uma prova de resistência, mas deu os parabéns ao clube recém promovido e que está no topo da classificação da I Liga.

"É bom para o nosso campeonato. Nunca é bom para mim porque não gosto de estar em segundo. Neste caso em terceiro com a diferença de um golo do Benfica, mas tenho de dar os parabéns a esta equipa que tem feito um início de campeonato fantástico", afirmou o treinador do FC Porto.

Do outro lado da barricada, o treinador do Rio Ave, Carlos Carvalhal, disse que a prestação da equipa foi melhor na segunda parte do jogo.

"Dissemos aos jogadores que não estamos satisfeitos com a fluidez de jogo, com a forma como estamos a iniciar o ataque a partir de trás e porque os nossos jogadores do meio campo só veem a bola passar por cima e perdemos a bola constantemente", acrescentou Carlos Carvalhal.

Onze inicial do Rio Ave: Kieszek; Nélson monte, Borevkovic, Aderllan Santos e Matheus Reis; Tarantini e Filipe Augusto; Carlos Mané, Diego Lopes e Nuno Santos; Bruno Moreira.

Onze inicial do FC Porto: Marchesín; Corona, Pepe, Marcano e Alex Telles; Otávio, Danilo, Uribe e Nakajima; Marega e Zé Luís.

Patrocinado

Apoio de

Patrocinado

Apoio de