FC Porto empata frente ao Belenenses SAD e falha reaproximação ao Benfica

Dragões estiveram a perder, mas Alex Telles, de penálti, marcou o golo do empate.

O FC Porto procurava este domingo recolocar-se a dois pontos de distância do Benfica, líder isolado da I Liga portuguesa de futebol, necessitando para isso de vencer no estádio do Belenenses SAD, em jogo da 13.ª jornada da prova, mas não foi além do empate a uma bola.

Nos primeiros três minutos da partida foi o FC Porto quem teve mais posse de bola. O primeiro remate foi de Otávio, mas saiu mal direcionado. Logo a seguir, Corona passou por vários adversários no corredor central e tentou servir Marega na área, mas o companheiro não correspondeu.

Aos 14 minutos, André Santos, um médio formado no Sporting, marcou golo e colocou o Belenenses SAD na frente do marcador. Um grande remate que só parou no fundo das redes de Marchesín.

Aos 20 minutos foi a vez de Loum cabecear para o fundo das redes do Belenenses SAD, num livre lançado para a área, mas Danilo, que fez a assistência, estava em posição irregular. O VAR anulou o golo. Dez minutos depois deste lance, Corona foi derrubado por Tiago Esgaio na grande área do Belenenses SAD e o árbitro assinalou grande penalidade. Surgia aqui a primeira oportunidade para o FC Porto igualar o marcador e Alex Telles não desperdiçou.

Aos 61 minutos, Sérgio Conceição preparou-se para fazer uma dupla alteração na equipa do FC Porto. Pouco depois substituiu Manafá e Loum por Sérgio Oliveira e Nakajima. Nove minutos após esta alteração, o central Tomás Ribeiro fez falta perto da meia lua da grande área do Belenenses SAD. O livre perigoso foi marcado por Sérgio Oliveira, que atirou ao poste esquerdo da baliza de Hervé Koffi.

Num novo livre, aos 75 minutos, o remate de Alex Telles acaba por ser fácil para Koffi, que só precisou de encaixar. Depois de muita confusão na grande área do Belenenses SAD, aos 80 minutos esteve à vista o golo da reviravolta do FC Porto, por parte de Marega.

A cinco minutos do final do jogo, o guarda-redes Koffi negou mais um golo aos dragões. Aos 89 minutos, dois jogadores do Belenenses pediram assistência médica ao mesmo tempo: Nuno Coelho e Koffi. Após estas paragens, o árbitro deu cinco minutos de compensação.

O guarda-redes do Belenenses SAD, Koffi, estava em grandes dificuldades, ainda lesionado, mas a equipa já não podia fazer mais alterações. Todo o banco do FC Porto está de pé, com os nervos em franja.

Onze inicial do Belenenses SAD: Hervé Koffi, Tomás Ribeiro, Nuno Coelho, Akas, Tiago Esgaio, Show, André Santos, André Sousa, Licá, Mateo Cassierra e Varela.

Onze inicial do FC Porto: Marchesín, Manafá, Pepe, Marcano, Alex Telles, Danilo, Loum, Otávio, Corona, Marega e Zé Luís.

Suplentes do Belenenses: André Moreira; Hakim, Benny, Robinho, Kikas, Sithole e Marco Matias.

Suplentes do FC Porto: Diogo Costa, Mbemba, Sérgio Oliveira, Nakajima, Luis Díaz, Soares e Matheus Uribe.

Outras Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de

Patrocinado

Apoio de