Sporting vence Gil Vicente nos últimos minutos

As duas equipas perderam em casa por 2-1 os primeiros jogos na Taça da Liga. Agora o Sporting conseguiu os primeiros três pontos na prova.

O Sporting, vencedor das duas últimas edições, e o Gil Vicente procuram somar esta quarta-feira em Barcelos os primeiros pontos no Grupo C da terceira fase da Taça da Liga de futebol, em jogo da segunda jornada. Quatro dias depois do triunfo da formação de Barcelos por 3-1, para o campeonato, as duas equipas reencontram-se no Minho, ambas obrigadas a vencer para continuarem na corrida ao primeiro lugar do grupo, único de acesso às meias-finais da prova.

As duas equipas perderam em casa por 2-1 os primeiros jogos na prova, o Gil Vicente perante o Portimonense e o Sporting face ao Rio Ave. Algarvios e vila-condenses já empataram entre si a um tento e lideram o agrupamento com quatro pontos.

O jogo foi interrompido antes do primeiro minuto, com Lourency a ficar caído no relvado. Aos 7 minutos, Bolasie sofreu falta perto da meia-lua da grande área do Gil Vicente. Houve pontapé livre para o Sporting, marcado por Bruno Fernandes, que atirou contra a barreira.

Aos 12 minutos, o Gil Vicente já tinha criado duas situações de perigo, mas foram os leões que estiveram mais perto de marcar o primeiro, por intermédio de Miguel Luís. Com o Sporting a fazer um jogo lento enquanto tentava fazer circular a bola, Wendel faz um cruzamento disparatado, que acaba num pontapé de baliza para a equipa de Barcelos.

Oito minutos depois, a equipa de Silas esteve novamente perto de inaugurar o marcador, com o guarda-redes Denis a fazer uma grande defesa e a negar o golo a Bolasie. Aos 22 minutos, o mesmo jogador dos leões voltou a causar perigo. Na grande área adversária, Bolasie rematou de cabeça, debaixo para cima, mas ainda não foi desta que conseguiu concretizar.

Quatro minutos depois, Naidji cai na grande área do Sporting mas o árbitro nada assinala e João Afonso acaba por levar cartão amarelo. Na primeira meia hora, o jogo estava bastante aberto, com boas oportunidades de parte a parte. Do meio campo leonino, Bruno Fernandes tentou fazer um chapéu monumental a Denis, que estava muito adiantado. A pontaria saiu um bocadinho ao lado. Pouco depois, o capitão do Sporting sofre uma entrada dura de Ygor Nogueira, que é punido com um cartão amarelo.

Aos 42 minutos, Bruno Fernandes pôs a bola no fundo da baliza de Denis, mas o árbitro assinalou fora de jogo. Golo anulado após uma grande abertura de Acuña, que apanhou o capitão dos leões em posição irregular.

No regresso ao jogo após o intervalo, aos 49 minutos, Bruno Fernandes desperdiçou uma grande oportunidade de golo à boca da baliza. Aos 52 minutos o Sporting voltou a colocar a bola no fundo da baliza do Gil Vicente, mas o tento foi novamente anulado. Havia três jogadores em fora de jogo.

Dois minutos depois, Wendel, de cabeça, obrigou Denis a uma grande defesa. Logo a seguir, Silas fez uma substituição. Saiu Miguel Luís e entrou Rafael Camacho.

Aos 88 minutos o Sporting ganhou um livre bem à medida do pé direito de Bruno Fernandes que, desta vez, não falhou e inaugurou o marcador.

Depois de o Sporting ter sido reduzido a 10, após Acuña ver o cartão vermelho, os leões fizeram o 2-0 por intermédio de Vietto.

Onze inicial do Gil Vicente: Denis; Alex Pinto, Ygor Nogueira, Edwin Vente e Arthur Henrique; Isaiah, João Afonso e Leonardo; Romário, Naidji e Lourency.

Onze inicial do Sporting: Renan; Ristovski, Coates, Neto e Acuña; Miguel Luís, Doumbia, Wendel e Bruno Fernandes; Bolasie e Luiz Phellype.

Patrocinado

Apoio de

Patrocinado

Apoio de

Outros Artigos Recomendados