Dois golos em três minutos e um bis de Taremi. FC Porto vence Supertaça

Dragões venceram por 3-0 e levam para casa a 44.ª Supertaça Cândido de Oliveira. Veja os golos.

O FC Porto conquistou este sábado pela 23.ª vez, em 44 edições, a Supertaça Cândido de Oliveira, ao vencer o estreante Tondela, da II Liga, por 3-0, no Estádio Municipal de Aveiro.

Os dragões entraram com vontade de marcar cedo e na primeira meia hora de jogo Taremi inaugurou o marcador depois de João Mário ter levantado um canto na esquerda e Evanilson ter penteado a bola ao primeiro poste. O iraniano surgiu ao segundo e só teve de encostar para o fundo da baliza do Tondela.

Três minutos depois, novo golo com os mesmos protagonistas. Taremi furou entre três defesas do Tondela e, já na área, rematou com o pé esquerdo para defesa de Niasse na direção do poste. No entanto, o brasileiro foi mais rápido do que Khacef e conseguiu emendar para dentro da baliza.

Numa segunda parte em que o FC Porto baixou o ritmo de jogo, ainda houve tempo para Taremi bisar. O iraniano recebeu a bola de Pepê à entrada da área, furou entre dois defesas e rematou em arco. O guarda-redes Niasse ainda tocou no esférico, mas não evitou que entrasse na baliza.

Os azuis e brancos somaram o terceiro troféu sob o comando de Sérgio Conceição, que igualou o recordista Artur Jorge, e a 25.º vitória consecutiva dos grandes, sendo que, com 23 troféus, fugiram ainda mais a Sporting (nove) e Benfica (oito).

Nos primeiros 3 minutos de jogo, Arcanjo levanta para a área na marcação de um livre descaído para a esquerda, mas a bola sai pela linha de fundo no lado oposto. Logo no minuto seguinte, João Mário cruza na direita para o coração da área, Danny Namaso recolhe com um pé e remata com o outro, mas a bola desvia em Taremi e vai para fora.

Aos 6 minutos, Niasse faz a primeira grande defesa do jogo após um canto batido na direita. Namaso cabeceou e o guarda-redes dos beirões afastou junto ao poste. Quatro minutos depois, surge um cruzamento para a área a partir da direita de Grujic, Taremi dá um toque de cabeça para Evanilson, que vê Niasse sair da baliza e fechar-lhe o ângulo.

Na sequência de um canto estudado do FC Porto na direita, aos 12 minutos, Uribe cruza para a área, a defesa do Tondela afasta e Taremi, à entrada da área, dispara por cima. Aos 23 minutos, Uribe faz um passe picado para o lado esquerdo da área, Taremi toca de cabeça para a zona central e Grujic, com Hernando pela frente, não consegue a emenda.

Três minutos depois deste último lance, Niasse vem novamente negar o golo ao FC Porto. João Mário tira um cruzamento na direita para o coração da área, onde surge Uribe a rematar para defesa segura do guarda-redes. Ao minuto 30, o iraniano Taremi surge ao segundo poste e inaugura o marcador!

Três minutos depois do golo de Taremi, Evanilson termina uma jogada do companheiro iraniano com um golo.

Logo a seguir ao golo, Khacef vê cartão por falta sobre João Mário. Alertado por Hugo Miguel, o árbitro Manuel Mota vai ver as imagens do lance, mas mantém o cartão amarelo a Khacef e dá ordens para a marcação do livre. Já no período de compensação do primeiro tempo há canto para Uribe na esquerda. Grujic cabeceia para Niasse segurar sem dificuldade.

Intervalo!

Recomeçou o jogo em Aveiro. Aos 51 minutos, Taremi dispara, ainda fora da área, mas a bola embate num adversário. O Tondela entrou com atitude no segundo tempo e tem criado mais perigo junto à baliza de Marchesín. Aos 60 minutos, Uribe vê cartão amarelo por falta sobre um adversário.

O FC Porto perdeu bastante intensidade nesta segunda parte. Aos 72 minutos, Eustáquio bateu um livre e levantou o esférico para o cabeceamento de Pepe, mas Jota apareceu primeiro e cortou. Os dragões neste momento estão mais a gerir o jogo do que a tentar aumentar a vantagem no marcador.

Apesar de ter baixado o ritmo, o FC Porto ainda faz o terceiro por intermédio de Taremi, que bisou aos 83 minutos após uma assistência de Pepê. A Supertaça está a caminho do Dragão.

Taremi é substituído aos 86 minutos e vê cartão amarelo por demorar demasiado tempo a deixar o relvado. O árbitro dá dois minutos de tempo de compensação. Terminou o jogo. A Supertaça é do FC Porto.

Onze do FC Porto: Marchesín; João Mário, Pepe, Marcano e Zaidu; Pepê, Uribe, Grujic e Danny Namaso; Taremi e Evanilson.

Onze do Tondela: Niasse; Jota, Marcelo e Manu Hernando; Tiago Almeida, Iker Undabarrena, Pedro Augusto e Khacef; Bebeto, Daniel dos Anjos e Telmo Arcanjo.

Suplentes do FC Porto: Cláudio Ramos, Veron, Galeno, Wendell, Bruno Costa, Toni Martínez, João Marcelo, Eustáquio e Gonçalo Borges.

Suplentes do Tondela: Tear, Alcobia, Rúben, Rafael Barbosa, Cuba, Lacava, Cascavel, Fajardo, Betel.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de