Dois golos em quatro minutos. Benfica vence Gil Vicente bem organizado em Barcelos

Águias vencem gilistas por 2-0 e seguem vitoriosas na I Liga. Veja os golos.

O Benfica venceu este sábado o Gil Vicente, por 2-0, num jogo da terceira jornada da I Liga, mantendo-se 100% vitorioso esta temporada.

Depois de uma primeira parte equilibrada e sem golos, o Benfica marcou o primeiro aos 84 minutos. Lucas Veríssimo recebeu um remate cruzado de Pizzi e só teve de desviar de Kritciuk.

Quatro minutos depois, o lateral Grimaldo dominou a bola na zona de ataque e, sem muita cerimónia, rematou com estrondo em direção ao canto superior direito da baliza. O guarda-redes do Gil Vicente, em esforço, ainda tocou na bola, mas não o suficiente para anular a trajetória.

O Benfica isolou-se provisoriamente na liderança da I Liga, com nove pontos, mais três do que Gil Vicente, que sofreu a primeira derrota, e do que o campeão Sporting e do que o FC Porto, que têm menos um jogo.

Pontapé de saída para a equipa do Benfica. As águias não entraram nada bem no jogo. Nos primeiros oito minutos tem sido o Gil Vicente a ter a bola. Ao minuto 9, Taarabt rematou de pé direito ao poste da baliza de Kritciuk. É a primeira oportunidade de golo para as águias.

Poucos segundos depois, Gilberto rematou de cabeça primeiro à barra e depois à baliza, mas o golo foi anulado por fora de jogo do Everton, antes do cruzamento para Gilberto. Aos 15 minutos houve um momento de grande pressão gilista, com Fujimoto a obrigar Vlachodimos a uma grande defesa.

Aos 20 minutos, Everton remata, mas a bola sai enrolada e fácil para o guarda-redes do Gil Vicente. Um minuto depois surge um cruzamento gilista perigoso, mas não surge ninguém na área do Benfica para fazer o desvio. Ao minuto 24', livre muito perigoso para a baliza de Kritciuk. Taarabt atirou, mas o guarda-redes da equipa de Barcelos respondeu a preceito.

Nove minutos depois, o ponta de lança do Benfica Yaremchuk, bem dentro do coração da área, rematou ao lado e desperdiçou uma grande oportunidade de golo. Num livre aos 38 minutos, Pedrinho rematou ao lado da baliza de Vlachodimos.

Intervalo em Barcelos. Vlachodimos é o último jogador a abandonar o relvado.

Recomeçou o jogo. Logo no primeiro minuto da segunda parte Gonçalo Ramos não marcou, por pouco, o primeiro golo do Benfica. Dois minutos depois, Talocha apareceu na cara do guarda-redes do Benfica. Valeu às águias a intervenção de Morato a impedir que o remate do jogador gilista causasse estragos.

Corte de Talocha, aos 53 minutos, impede que bola chegue nas melhores condições a Gonçalo Ramos. No minuto seguinte, um sufoco na área do Gil Vicente acaba em pontapé de canto para o Benfica. Na sequência desta bola parada, Yaremchuck marca, a aparecer ao segundo poste. O lance é analisado pelo VAR, que confirma o fora de jogo.

Aos 58 minutos, Jorge Jesus faz três alterações de uma vez e muda um pouco o desenho tático, com Pizzi a ir para a linha e Gonçalo Ramos a ocupar a vaga de ponta de lança. Um minuto depois, o Gil Vicente esteve perto de marcar, com o guarda-redes das águias a manter o nulo. A equipa de Barcelos é perigosíssima no contra-ataque.

Um grande cabeceamento de Gonçalo Ramos, aos 64 minutos, obriga Kritciuk a uma grande defesa. Estão 3751 espectadores a assistir ao jogo no Estádio Cidade de Barcelos. O central Lucas Veríssimo vira ponta de lança, aos 83 minutos, e marca o primeiro para o Benfica. O lance ainda vai à análise do VAR, que confirma o golo.

Quatro minutos depois do primeiro golo, Grimaldo faz o segundo com um pontapé fenomenal e deixa o jogo praticamente decidido.

O árbitro dá cinco minutos de compensação. Terminou o jogo! O Benfica sai com os três pontos de Barcelos.

Onze do Gil Vicente: Kritciuk; Zé Carlos, Lucas, Rúben Fernandes e Talocha; Fujimoto, Vítor Carvalho e Pedrinho; Murilo, Fran Navarro e Samuel Lino.

Onze do Benfica: Vlachodimos; Lucas Veríssimo, Otamendi, Morato; Gilberto, Taarabt, Meité, Everton; Yaremchuk e Gonçalo Ramos.

Suplentes do Gil Vicente: Andrew, Diogo, Hackman, Bilel, Aburjania, Jean Irmer, Marcelo, Henrique Gomes e Matheus Bueno.

Suplentes do Benfica: Hélton, Grimaldo, Darwin, João Mário, Pizzi, Rafa, Weigl, André Almeida e Vinícius.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de