Interesse do Benfica em Diego Costa é real

Benfica quer manter-se na corrida pela contratação de Diego Costa.

O avançado internacional espanhol está sem clube desde que rescindiu o contrato com o Atlético de Madrid, mas a TSF sabe que o negócio só avança para o papel se o Benfica garantir o acesso à Liga dos Campeões.

O dinheiro de entrada na prova europeia é que pode ajudar o Benfica a ir à luta para o negócio e a contratação de Diego Costa.

O avançado tem por objetivo continuar a jogar no continente europeu, associando a isso uma nova participação na Liga dos Campeões. Enquanto o Benfica olha primeiro para o lado financeiro, porque os valores de prémio de assinatura e ordenado alto, estarão muito próximos dos três milhões de euros, segundo revela o jornal Mundo Deportivo.

A TSF está em condições de avançar que o Benfica quer manter-se na corrida pela contratação de Diego Costa, mas para já, e ao contrário do que diz o Mundo Deportivo, não existe qualquer princípio de acordo com o jogador. E com o elevado valor que é preciso colocar nas negociações, o presidente Luís Filipe Vieira está pessoalmente encarregue de todas estas movimentações, que podem começar a ser feitas junto de Diego Costa.

Em comunicado, as águias esclarecem que não estão, neste momento, a negociar contrato com o jogador. "O clube reitera que até ao final da temporada o foco da sua estrutura profissional de futebol está unicamente direcionado para vencer as remanescentes dez partidas do Campeonato e a final da Taça de Portugal", lê-se no site oficial do clube.

No entender do Benfica e apesar do internacional espanhol ter 32 anos, este negócio e investimento - se avançar - é justificado com o exemplo de Jonas. O antigo avançado brasileiro também chegou à Luz sem clube, com um investimento alto e com 30 anos de idade. Na altura, Jonas foi uma escolha de Jorge Jesus, treinador que também aprecia as qualidades de Diego Costa.

Notícia atualizada às 16h56

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de